Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13382
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Avaliação da qualidade ambiental do Rio Uberabinha (MG) utilizando parâmetros físico-químicos e comunidades de macroinvertebrados bentônicos como bioindicadores
Other Titles: Assessment of the environmental quality of Uberabinha river (MG) using physicochemical parameters and benthic macroinvertebrate communities as bioindicators
metadata.dc.creator: Cutrim, Ana Lícia Fonseca
metadata.dc.contributor.advisor1: Jacobucci, Giuliano Buzá
metadata.dc.contributor.referee1: Augusto, Solange Cristina
metadata.dc.contributor.referee2: Bispo, Pitágoras da Conceição
metadata.dc.description.resumo: Os ecossistemas aquáticos são impactados mundialmente pelo uso inadequado do solo e lançamento de efluentes domésticos e industriais, que aumentam proporcionalmente às atividades sócio-econômicas. Tendo em vista a preservação, faz-se necessário um monitoramento periódico da qualidade desses ecossistemas, utilizando além da avaliação físico-química, o monitoramento biológico, de modo a determinar a qualidade da água medida pelas alterações estruturais e funcionais das comunidades nos sistemas ecológicos. Desse modo, o objetivo desse trabalho foi realizar um diagnóstico ambiental do Rio Uberabinha (MG) utilizando parâmetros físico-químicos e microbiológicos da água e macroinvertebrados bentônicos como indicadores da qualidade do ambiente. Especificamente, buscou-se avaliar a qualidade da água do ponto de vista legal, através do enquadramento nas classes de qualidade da resolução CONAMA 357/2005, bem como avaliar a qualidade ambiental utilizando diferentes métricas das comunidades de macroinvertebrados bentônicos e suas respostas a perturbações ambientais. Foram estudados cinco pontos do rio à montante de Uberlândia (M1 a M5), cinco pontos na área urbana de Uberlândia (U1 a U5) e dois pontos à jusante da cidade (J1 e J2). Para análise físico-química e microbiológica da água, foram realizadas coletas na estação seca e na estação chuvosa, e para amostragem de macroinvertebrados, foram realizadas coletas no final da estação seca e no início da estação seca, e calculadas as métricas abundância, BMWP, diversidade de Shannon-Wiener, equidade de Pielou, riqueza de taxa, percentagem de EPT, Chironomidae e Oligochaeta. A comparação dessas métricas simultaneamente entre locais e períodos de coleta foi realizada através de ANOVA de dois fatores (Two Way ANOVA), e a relação entre as métricas foi avaliada por meio de uma Análise de Componentes Principais (PCA). Os padrões mais importantes dentre variáveis físicoquímicas e microbiológica da água foram determinados através de uma análise de componentes principais (PCA). A maioria dos pontos amostrados se enquadraram na classe 4 da resolução CONAMA 357, e as variáveis DBO, DQO, turbidez, condutividade elétrica, sólidos suspensos totais, nitrogênio total, nitrogênio amoniacal, nitrito, fósforo total e coliformes termotolerantes apontaram um gradiente de qualidade ambiental, dos pontos à montante de Uberlândia (M1 a M5), que apresentaram melhor qualidade ambiental, até os pontos à jusante da cidade (J1 e J2) e o último ponto da área urbana de Uberlândia (U5), que apresentaram águas de pior qualidade, em função do lançamento de esgotos domésticos. Em relação às métricas, os pontos à montante apresentaram valores mais altos de diversidade, riqueza, BMWP e % de EPTs comparados aos pontos da área urbana e de jusante. As métricas % de EPT e o índice de diversidade de Shannon-Wiener (H ), seguidas da riqueza taxonômica, foram as que melhor refletiram a qualidade ambiental do rio Uberabinha, remetendo à boa qualidade dos pontos localizados à montante de Uberlândia, por estarem distantes da área urbana, e em piores condições, o ponto U5 e os pontos a jusante de Uberlândia, que são fortemente impactados.
Abstract: Aquatic ecosystems worldwide are impacted by inappropriate land use and release of domestic and industrial effluents, which increase in proportion to the socio-economic activities. In order to preservation, it is necessary periodic monitoring of the quality of these ecosystems, using additional to the physico-chemical evaluation, biological monitoring, to determine the water quality measured by structural and functional alterations of the communities in ecological systems. Thus, the aim of this study was to perform an environmental diagnosis of the Uberabinha river (MG) using water s physico-chemical and microbiological parameters and benthic macroinvertebrate as indicators of environmental quality. Specifically, it was sought to evaluate the water quality from the legal point of view, through the framework into quality classes of CONAMA Resolution 357/2005, and to evaluate the environmental quality using different metrics of benthic macroinvertebrate communities and their responses to environmental disturbances. It was studied five points of the river upstream of Uberlândia (M1 to M5), five points in the urban area of Uberlândia (U1 to U5) and two points downstream of the city (J1 and J2). For physico-chemical and microbiological water analysis, collections were made in the dry season and the rainy season, and for macroinvertebrate sampling, collections were taken at the end of the dry season and at the beginning of the dry season, and then calculated metrics abundance, BMWP, Shannon-Wiener, Pielou eveness, taxa richness, percent EPT, Chironomidae and Oligochaeta. The comparison between these metrics simultaneously local and sampling periods was performed using Two Way ANOVA, and the relationship between metrics was evaluated by Principal Component Analysis (PCA). The most important standards among water s physico-chemical and microbiological parameters were determined using a principal components analysis (PCA). Most of the sampling points fell into the Class 4 of CONAMA 357, and the variables BOD, COD, turbidity, conductivity, total suspended solids, total nitrogen, ammonia nitrogen, nitrite, total phosphorus and fecal coliform showed a gradient of environmental quality, from the sampling points located upstream of Uberlândia (M1 to M5), which showed better environmental quality, to points downstream of the city (J1 and J2) and the last point of Uberlândia s urban area (U5), which had the worst water quality, due to the release of domestic sewage. With regard to metrics, sampling points upstream showed higher values of diversity, richness, BMWP and % of EPTs in relation to the urban area and downstream point. The metrics % of EPT and Shannon-Wiener s index (H\'), followed by taxonomic richness were those that best reflected the environmental quality of Uberabinha river, referring to the good quality of the points located upstream of Uberlândia, by being distant to urban area, and in the worst conditions, the point U5 and points downstream of Uberlândia, which are heavily impacted.
Keywords: CONAMA 357
Variáveis físico-químicas
Ecossistemas aquáticos
Macroinvertebrados bentônicos
% de EPT
Physico-chemical variables
Aquatic ecosystems
Benthic macroinvertebrates
% of EPT
Uberabinha, Rio (MG)
Qualidade ambiental
Ecossistemas aquáticos
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais
Citation: CUTRIM, Ana Lícia Fonseca. Assessment of the environmental quality of Uberabinha river (MG) using physicochemical parameters and benthic macroinvertebrate communities as bioindicators. 2013. 102 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13382
Issue Date: 18-Feb-2013
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ecologia e Conservação de Recursos Naturais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Licia.pdf1.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.