Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13371
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Estudo comparativo de duas espécies ornitófilas em borda de uma ilha de mata de galeria, Uberlândia-MG
metadata.dc.creator: Araújo, Francielle Paulina de
metadata.dc.contributor.advisor1: Oliveira, Paulo Eugenio Alves Macedo de
metadata.dc.contributor.referee1: Barbosa, Ana Angélica Almeida
metadata.dc.contributor.referee2: Buzato, Silvana
metadata.dc.description.resumo: As Angiospermas apresentam vários tipos de interações com animais incluindo interações mutualísticas associadas à polinização. Para que a polinização ocorresse, as plantas desenvolveram flores adaptadas morfologicamente de modo a atrair diferentes tipos vetores. Diversos caracteres florais tais como cor, forma, tamanho e recurso floral são adaptados para grupos de agentes polinizadores taxonomicamente relacionados, constituindo as síndromes de polinização. As flores consideradas ornitófilas geralmente são tubulares, possuem cores fortes e contrastantes, ausência de odor, néctar abundante e relativamente diluído, antese diurna e separação da câmara nectarífera dos estigmas e das anteras. Dentre as aves que visitam flores em busca de alimento, os beija-flores apresentam especializações tais como corpo pequeno, bico fino, longo e/ou curvado, agilidade em procurar flores pendentes, memória espacial e outras características que os permitem aproveitar os recursos florais. O objetivo do presente estudo é conhecer e comparar a biologia floral, a polinização e o sistema reprodutivo, de duas espécies ornitófilas. Gaylussacia brasiliensis (Ericaceae) e Costus spiralis (Costaceae) são duas espécies polinizadas por beija-flores que ocorrem no mesmo habitat de uma ilha de mata de galeria na reserva vegetal do Clube Caça e Pesca Itororó de Uberlândia - MG. Estas plantas apresentam diferenças na produção de néctar, tamanho das flores, número de flores por indivíduo e padrão de distribuição no ambiente. Ambas estão adaptadas à polinização por diferentes grupos de beija-flores sendo a primeira por Trochilinae e a segunda por Phaethornithinae. Gaylussacia brasiliensis apresenta tubo da corola menor, produz menores quantidades de néctar que C. spiralis, distribui-se no ambiente de forma agrupada, e abre muitas flores por inflorescência e por indivíduo recebendo visitas de beija-flores da subfamília Trochilinae. Costus spiralis por outro lado, apresenta tubo floral longo e curvado, produz néctar em maior quantidade e concentração de açúcares e se distribui no ambiente de forma agregada em baixa densidade e cada inflorescência é terminal e libera apenas uma ou duas flores ao dia. Apresenta uma estratégia mais especializada, necessitando de polinizadores que tenham bico longo e levemente curvado. Assim, através destas evidências pode-se compreender melhor quais as diferentes adaptações das plantas e dos polinizadores que vão atuar na estruturação das comunidades ecológicas.
Abstract: The Angiosperms present some kinds of interactions with animals including mutualistic interactions associated with pollination. Plants developed flower morphology adapted to attract different vectors in order to make pollination functional. Diverse floral characters suchas color, shape, size and floral resource are adapted to groups of taxonomically related pollinators and can be viewed as pollination syndromes. The bird-pollinated flowers generally are tubular, strong colors like red, orange and pink, absence of odor, abundant nectar, diurnal anthesis and separation between the nectar chamber and the stigma and anthers. Amongst the birds that visit flowers, the hummingbirds present specializations such small body, fine, long and/or bending beak, agility when visiting hanging/pendant flowers, spatial memory and other characteristics that allow them to use floral resources. The objective of this study is to analyze the floral biology, pollination and the reproductive system, of two bird-pollinated species. Gaylussacia brasiliensis (Ericaceae) and Costus spiralis (Costaceae) are two species pollinated by hummingbird that occur nearby on the edge of an island of gallery forest in the Ecological reserve of the Clube Caça e Pesca Itororó de Uberlândia - MG. These plants present differences in the amount of nectar produced, distribution in the environment, size and shape of the flowers, and number of flowers per individual. G. brasiliensis e C. spiralis are adapted to pollination by different group of hummingbirds, Trochilinae and Phaethornithinae respectively. Gaylussacia brasiliensis presents a shorter corolla tube and produces smaller amounts of nectar than C. spiralis. It is has a contagious distribution in the environment and opens many flowers per inflorescences and individual, receiving visits from less specialized Trochilinae hummingbirds. On the other hand, Costus spiralis presents flowers with longer and curved tube produces nectar in larger amounts and higher sugar concentration than G. brasiliensis. It is distributed in the environment in low density groups and each inflorescence produces only one or two flowers per day. This more specialized strategy requires pollinators that have longer and slightly curved beaks. These differences found in floral morphology, distribution and nectar associates to morphologic differences, metabolism and behavior of the hummingbirds allow the coexistence of these species in the nature.
Keywords: Gaylussacia
Costus
Ornitofilia
Polinização
Beija-flores
Ornithophily
Pollination
Hummingbird
Plantas - Reprodução
Flores
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais
Citation: ARAÚJO, Francielle Paulina de. Estudo comparativo de duas espécies ornitófilas em borda de uma ilha de mata de galeria, Uberlândia-MG. 2005. 61 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2005.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13371
Issue Date: 29-Jul-2005
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ecologia e Conservação de Recursos Naturais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FAraujoDISSPRT.pdf2.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.