Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13316
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Características do solo e estrutura fitossociológica de espécies arbóreas em dois cerradões no Triângulo Mineiro
Other Titles: Soil characteristics and phytosociological structure of two cerradões in arboreous community in the Triângulo Mineiro
metadata.dc.creator: Rodrigues, Renata Ferreira
metadata.dc.contributor.advisor1: Araújo, Glein Monteiro de
metadata.dc.contributor.referee1: Schiavini, Ivan
metadata.dc.contributor.referee2: Munhoz, Cássia Beatriz Rodrigues
metadata.dc.description.resumo: O estudo de cerradões é de grande importância para melhor conhecimento das características fitossociológicas e edáficas dessa fisionomia vegetal bastante alterada e fragmentada. Diante dessa realidade, o objetivo do presente estudo foi determinar as características fitossociológicas e edáficas de dois fragmentos de cerradão localizados no município de Araguari e Uberlândia, MG. Para a realização do levantamento fitossociológico foram amostrados em cada área todos os indivíduos com circunferência a altura do peito (CAP) ≥ 15 cm em 25 parcelas de 20m x 20m. A percentagem de cobertura de copa foi avaliada utilizando-se um densiômetro esférico em 38 pontos localizados nas extremidades das parcelas. Foi coletado solo de cada parcela a uma profundidade de 0 a 20 cm, a fim de determinar o pH (H2O), P, K1+, Ca2+, Mg2+, Al3+, Fe3+ e Mn2+, teores de argila, silte, areia grossa e areia fina. Para verificar as relações florísticas entre parcelas foi realizada uma Análise de Correspondência Retificada (DCA) e quanto à relação entre as variáveis do solo e a distribuição das espécies utilizou-se uma Análise de Correspondência Canônica (CCA). O solo sob fragmento de Araguari é mais argiloso, raso e com maior teor de nutrientes, enquanto o de Uberlândia é mais arenoso, profundo e pobre em nutrientes. Considerando o percentual de saturação por base e a disponibilidade de Ca, o solo do fragmento de Araguari foi classificado como mesotrófico enquanto o de Uberlândia, distrófico. O cerradão de Uberlândia apresentou maior cobertura de copas nas duas estações do ano. No fragmento de Araguari foram amostrados 1340 indivíduos pertencentes a 90 espécies, enquanto em Uberlândia, 83 espécies distribuíram-se entre os 1797 indivíduos amostrados. As famílias Fabaceae e Vochysiaceae tiveram o maior número de espécies nas duas áreas. Em Araguari as espécies com maior valor de importância foram Terminalia argentea, Qualea grandiflora e Myracrodruon urundeuva, enquanto em Uberlândia, Sclerolobium paniculatum, Qualea grandiflora e Miconia albicans. O índice de diversidade de Shannon (H ) em Araguari foi de 3,5 nats. indivíduo-1 e em Uberlândia 3,2 nats. indivíduo-1. A DCA em Uberlândia mostrou que a maioria das espécies está distribuída por todas as parcelas e apenas uma minoria encontra-se em regiões particulares da área. Já Araguari demonstrou uma diferença mais pronunciada entre as espécies mais abundantes distribuídas na área. A CCA realizada não permitiu maiores conclusões sobre a interferência das variáveis edáficas na distribuição das espécies em Uberlândia, pois apenas K foi significativamente relacionada. Em Araguari as características do solo significativamente relacionadas com a abundância de espécies foram Mn, Al, Ca, silte e areia grossa e podem ter interferido mais fortemente na distribuição das espécies. A interação espécie X ambiente vai muito além de informações pontuais e requer maiores cuidados na interpretação dos resultados. Conclusões sobre a distribuição das espécies em função das variáveis ambientais só terão melhores explicações após estudos em diferentes ambientes edáficos com fisionomias de cerradão semelhantes a do presente trabalho.
Abstract: The study of cerradões is very important to improve knowledge phytosociological and edaphics characteristics physiognomy that significantly amended and fragmented. Given this reality, the objective of this study was to determine the phytosociological and soil characteristics of two fragments of cerradão located in Araguari and Uberlândia, MG. To achieve the phytosociological survey were sampled in each area all individuals with circumference at breast height (CAP) ≥ 15 cm in 25 plots of 20m x 20m. The percentage of canopy cover was estimated using a spherical densiômetro located in 38 points at the ends of the plots. As for the parameters edaphic, soil was collected from each plot at a depth of 0 to 20 cm in order to determine the pH (H2O), P, K1+, Ca2+, Mg2+, Al3+, Fe3+ and Mn2+, clay, silt, dense sand and fine sand. To verify the relationship between floristic plots was a Detrended Correspondence Analysis (DCA) and the relationship between the variables of soil and the distribution of species using a Canonical Correspondence Analysis (CCA). The soil under Araguari fragment is more clay, shallower and more nutrient content, while in Uberlândia is more gritty, deep and low in nutrients. Whereas the percentage of base saturation and the availability of Ca, the soil of the fragment Araguari was classified as mesotrophic while that of Uberlândia, dystrophic. The cerradão of Uberlândia presented greater coverage of canopy in the two seasons. As for phytosociological parameters in the fragment of Araguari were sampled 1,340 individuals belonging to 90 species, while in Uberlândia, 83 species distributed among the 1,797 individuals sampled. Fabaceae and Vochysiaceae families had the largest number of species in both areas. In Araguari species with the highest importance value were Terminalia argentea, Qualea grandiflora and Myracrodruon urundeuva while in Uberlândia, Sclerolobium paniculatum, Qualea grandiflora and Miconia albicans were the most important. The Shannon diversity index (H') in Araguari was 3.5 nats. individual-1 and Uberlândia 3.2 nats.individual-1. The DCA in Uberlândia showed that most species are distributed in all plots and only a minority is in particular regions of the area. Araguari already demonstrated a more pronounced difference between the most abundant species distributed in the area. The CCA did not allow major conclusions about the interference of soil variables in the distribution of species in Uberlândia, since only K was significantly related. In soil of Araguari characteristics significantly related to the abundance of species were: Mn, Al, Ca, silt and dense sand may have interfered more in the distribution of species. The interaction of species X environment goes beyond the restricted information and requires greater care in interpreting the results. Conclusions on the distribution of species in terms of environmental variables will have better explanations only after studies in different environments with edaphic physiognomies cerradão of like the present study.
Keywords: Ecologia vegetal
Comunidades vegetais
Estrutura da comunidade
Cerradão
Solo mesotrófico e distrófico
Community structure
Mesotrophic and dystrophic soils
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais
Citation: RODRIGUES, Renata Ferreira. Soil characteristics and phytosociological structure of two cerradões in arboreous community in the Triângulo Mineiro. 2009. 50 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2009.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13316
Issue Date: 18-Feb-2009
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ecologia e Conservação de Recursos Naturais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dis.pdf1.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.