Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13032
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Perfil hematológico e bioquímico de cães (Canis familiaris) obesos e idosos
metadata.dc.creator: Martins, Christina Resende
metadata.dc.contributor.advisor1: Mundim, Antônio Vicente
metadata.dc.contributor.referee1: Bittar, Joely Ferreira Figueiredo
metadata.dc.contributor.referee2: Ferreira, Carlos Gomes
metadata.dc.description.resumo: A obesidade é considerada a afecção nutricional e metabólica mais comum nas sociedades desenvolvidas, sendo definida como um transtorno patológico caracterizado pelo acúmulo de gordura em níveis muito superiores ao necessário para o ótimo funcionamento orgânico. Influenciados por diversos fatores, a expectativa de vida dos cães têm aumentado, tornando esta população cada vez mais composta por indivíduos idosos. Com o avançar da idade ocorrem alterações fisiológicas irreversíveis resultando em disfunções orgânicas, sendo que vários sistemas são acometidos por estas mudanças. Portanto, o conhecimento das principais alterações hematológicas e bioquímicas séricas que os cães obesos sofrem à medida que envelhecem, é de grande auxilio ao clínico de pequenos aniamais, podendo permitir uma melhor abordagem deste paciente. Nesse contexto, objetivou-se avaliar o perfil hematológico e bioquímico de cães adultos e idosos que sofram de obesidade de causa natural. No capítulo 2 foram avaliados os hemogramas de 30 cães adultos e 29 idosos, observou-se que independente da faixa etária e sexo, os cães não apresentaram alterações significantes de eritrograma e plaquetograma, mostrando apenas no leucograma um discreto aumento de células jovens sem leucocitose. No capítulo 3 foi avaliado o perfil bioquímico sérico destes mesmos animais, sendo que, independente da faixa etária ou sexo, a obesidade e a senilidade não interferiram nos valores da fosfatase alcalina, alanino aminotransferase, proteína total, albumina, creatinina, glicose, colesterol total e triglicérides. As globulinas apresentaram um discreto aumento em ambos os grupos. Nas fêmeas idosas a concentração sérica de GGT foi muito superior aos valores de referência adotados. Observamos também que para as duas faixas etárias as LDL-C foram as lipoproteínas de maior concentração sérica, seguidas pelas HDL-C e VLDL-C.
Abstract: Obesity is considered the most common nutritional disorder in developed societies, being defined as a pathological disorder characterized by accumulation of fat at levels higher than necessary for optimal organ function. Influenced by several factors, the life expectancy of dogs has increased, making this population increasingly composed of elderly individuals. With advancing age, irreversible physiological changes occur resulting in organ dysfunction, and many systems are affected by these changes. Therefore, knowledge of the main hematological and serum biochemistry that obese dogs suffer as they age, is of great help to the clinician of small animals, potentially enabling a better approach to this patient. In this context, the objective was to evaluate the hematological and biochemical profile of dogs, and elderly adults suffering from obesity by natural causes. In chapter 2 we evaluated the blood counts of 30 adult dogs and 29 elderly dogs, found regardless of age and sex, dogs showed no significant changes in platelet and red blood cell, showing only a slight increase in leukocyte counts of young cells without leukocytosis. In chapter 3, we avaluated the serum biochemical profile in these animals, and regardless of age and sex, obesity and old age didn t affect the values of alkaline phosphatase, alanine aminotransferase, total protein, albumin, creatinine, glucose, total cholesterol and triglycerides. Globulins were slightly higher in both groups. Serum GGT was much higher than values adopted in old females. Also observed that for both groups, the LDL-C were the highest concentration of serum lipoproteins, followed by HDL-C and VLDL-C.
Keywords: Obesidade
Bioquímica veterinária
Cão
Função hepática
Função renal
Hemograma
Leucograma
Lipoproteínas
Senilidade
Liver function
Renal function
CBC
WBC
Lipoproteins
Obesity
Senility
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Agrárias
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências Veterinárias
Citation: MARTINS, Christina Resende. Perfil hematológico e bioquímico de cães (Canis familiaris) obesos e idosos. 2012. 68 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13032
Issue Date: 17-Aug-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Veterinárias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf907.46 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.