Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12889
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Flaskô na contramão: a experiência de controle operário em uma fábrica ocupada no Brasil
Author: Tadokoro, Ricardo Takayuki
First Advisor: Graciolli, Edilson José
First member of the Committee: Trópia, Patrícia Vieira
Second member of the Committee: Perruso, Marco Antonio
Summary: Nos últimos anos observamos o fechamento e abandono de empresas, dentro de um novo arranjo internacional, pressionadas pela concorrência monopolística dos grandes capitais inseridos a partir do processo financeirização mundial e de uma crise estrutural do capital, ainda em marcha. Em resposta a esses acontecimentos, trabalhadores prestes a ficarem desempregados resistiram e assumiram algumas empresas, em uma perspectiva de coletividade e autogestão que ficaram conhecidas como \"Fábricas Ocupadas\". O objetivo desta dissertação será analisar em que medida as experiências de ocupações de fábricas por trabalhadores são alternativas históricas ao modo de produção capitalista ou apenas parte de uma estratégia de sobrevivência frente a um quadro de crise estrutural do capital. Utilizaremos a pesquisa bibliográfica e de campo em que são analisadas e compreendidas as condições e formas de organização, mobilização e resistência dos trabalhadores da Flaskô. As ocupações de fábricas e o regime de controle operário na contemporaneidade são um fenômeno que faz parte do processo histórico e dialético da sociedade de formação capitalista. Evidenciamos, assim, que a experiência remete em grande medida ao processo da luta de classes que reverbera profundas contradições e antagonismos sociais ainda não resolvidos.
Abstract: Lately we can observe the closure and abandon of companies in a new international arrangement pressed by the monopolist competition of the large capital inserted starting on the process of worldwide financialization and of a structural crisis marching. In response to these events, workers about to be unemployed resisted and assumed the control of companies in a perspective of community and self-management which became known as Occupied Factories . The objective is to analyze the extent of the experience of occupied factories by workers are historical alternatives to the capitalist mode of production or merely part of a survival strategy against a front frame of a structural crisis of the capital. We use the bibliographic research and the field incursions where are analyzed the conditions and forms of organization, mobilization and resistance of the Flaskô workers. The contemporary factories occupations and the system of worker s control are part of a historical and dialectical process of the capitalist society formation. Thereby we will put in evidence an experience which largely refers to the process of the class struggle that reverberates deep contradictions and social antagonisms still unresolved.
Keywords: Fábricas ocupadas
Autogestão
Conselho operário
Controle operário
Movimento operário
Flaskô
Occupied factories
Self management
Council workers
The labor movement
Trabalho - Aspectos Sociais
Fábricas - Condições sociais
Conselhos de fabrica
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
Language: por
Country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Institution Acronym: UFU
Department: Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais
Quote: TADOKORO, Ricardo Takayuki. Flaskô na contramão: a experiência de controle operário em uma fábrica ocupada no Brasil. 2013. 145 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12889
Date of defense: 11-Jan-2013
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RicardoTakayuki.pdf3.19 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.