Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12888
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Reestruturação produtiva no setor sucroalcooleiro e os impactos no sindicalismo rural: um estudo de caso no município de Ituiutaba/MG na década de 2000
metadata.dc.creator: Pereira, Pablo Guilherme Marcelino
metadata.dc.contributor.advisor1: Previtalli, Fabiane Santana
metadata.dc.contributor.referee1: Morais, Sérgio Paulo
metadata.dc.contributor.referee2: Junqueira, Marili Peres
metadata.dc.contributor.referee3: Martins, Adriano Eurípedes Medeiros
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho objetiva identificar e refletir o sindicalismo rural no âmbito da expansão da indústria sucroalcooleira na região do Triângulo Mineiro. Neste universo elegemos o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ituiutaba MG enquanto fio condutor da pesquisa, por acreditar na potencialidade desta unidade analítica de lançar luzes e revelar os meandros e os impactos sociais inscritos no processo de reestruturação produtiva do setor sucroalcooleiro na década de 2000. O objetivo foi mostrar que a despeito do discurso de modernização do setor e de qualificação da força de trabalho há, contraditoriamente, a intensificação do grau de exploração do trabalhador, precariedade das condições de trabalho e de vida do trabalhador, utilização do trabalho migrante que tem refletido negativamente na capacidade representativa, organizativa e de mobilização dos sindicatos rurais. A metodologia utilizada foi revisão de literatura, pesquisa de campo por meio de visitas às usinas sucroalcooleiras e entrevista ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ituiutaba MG. A conclusão a que chegamos é que os grandes investimentos governamentais, que buscam a modernização do setor sucroalcooleiro, não têm garantido melhorias das condições de trabalho e de vida da grande maioria dos trabalhadores envolvidos no processo produtivo, fundamentalmente na colheita da cana de açúcar. Destacamos o desemprego acentuado, o caráter temporal dos contratos de trabalho, aumento das exigências de produtividade e insegurança para a classe trabalhadora. Estes fatores dificultam a atuação do sindicato dos trabalhadores rurais e reforça o caráter legalista dos mecanismos de enfrentamento dos impactos econômicos e sociais da reestruturação produtiva do setor sucroalcooleiro.
Abstract: This paper aims to identify and reflect the rural unionism in the expansion of sugar industry in the Triangulo Mineiro region. In this universe we chose the Rural Workers Union of Ituiutaba - MG as a thread of research, for believing in the potential of this analytical unit to shed light and reveal the intricacies and social impacts included in the process of productive restructuring of this sector in the 2000s. The aim was to show that despite the discourse of modernization of the sector and qualification of the workforce is, paradoxically, increased the degree of exploitation of workers, precarious working conditions and living standards of workers, use of migrant labor that has reflected negatively in representative capacity, organizational and mobilization of rural unions. The methodology was a literature review, field research through visits to sugarcane mills and an interview with the Rural Workers Union of Ituiutaba - MG. The conclusion reached is that large governmental investments, seeking the modernization of this sector, have not guaranteed improvements in working conditions and lives of the vast majority of workers involved in the production process, mainly in the harvesting of sugar cane. Featuring steep unemployment, the temporal nature of employment contracts, increased demands for productivity and insecurity for the working class. These factors hinder the performance of the rural workers union and reinforces the legalistic nature of the coping mechanisms of economic and social impacts of productive restructuring of this sector.
Keywords: Reestruturação produtiva
Setor sucroalcooleiro
Sindicalismo rural
Economic restructuring
Sugar and alcohol sector
Rural unionism
Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ituiutaba
Trabalhadores da agroindústria açucareira - Ituiutaba (MG)
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais
Citation: PEREIRA, Pablo Guilherme Marcelino. Reestruturação produtiva no setor sucroalcooleiro e os impactos no sindicalismo rural: um estudo de caso no município de Ituiutaba/MG na década de 2000. 2012. 99 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12888
Issue Date: 4-Jul-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf842.6 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.