Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12864
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Avaliação prospectiva da qualidade e vida relacionada a saúde em idosos com fratura do quadril por meio de um instrumento genérico - the medical outcome study 36-item short-form health survey (sf-36)
metadata.dc.creator: Mendonça, Tania Maria da Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Carlos Henrique Martins da
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Santos, Maria Celia dos
metadata.dc.contributor.advisor-co2: Canto, Roberto Sergio de Tavares
metadata.dc.description.resumo: As fraturas de quadril ocorrem freqüentemente na população idosa e provocam impacto considerável na qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) dos idosos comprometidos. O estudo teve como objetivo avaliar as propriedades psicométricas da versão brasileira do Medical Outcome Study 36-Item Short-Form Health Survey (SF-36) para idosos com fratura de quadril e a QVRS dessa população por um período de quatro meses após fratura. Quarenta e cinco idosos (60% do sexo feminino) com idade entre 62 a 92 anos (média= 74,4; DP=8,81) responderam o SF-36. Os escores obtidos pelos pacientes foram comparados entre eles nas fases recordatória, de um e quatro meses após a cirurgia reparadora da fratura, com os do grupo controle constituído por 135 idosos (média de idade= 72,3; DP= 6,92), e segundo o tipo de fratura (colo de fêmur e transtrocanteriana). As propriedades psicométricas foram avaliadas por meio dos efeitos piso e teto, consistência interna do item, confiabilidade da consistência interna, reprodutibilidade, validade discriminante do item, validade discriminante, validade convergente, validade divergente, validade concorrente, validade de construto e diferença mínima importante. As propriedades psicométricas avaliadas foram consideradas adequadas como um todo. Os escores do grupo de pacientes na fase recordatória foram menores (p<0,05) que os do grupo controle nos domínios vitalidade, saúde mental e aspectos sociais. As médias dos escores obtidos pelos pacientes na fase de quatro meses foram menores (p<0,05) que as do grupo controle, exceto no domínio estado geral da saúde e em relação à fase recordatória desses pacientes, exceto nos domínios dor, estado geral da saúde, aspectos sociais, saúde mental e vitalidade. Não ocorreram diferenças significativas entre os escores obtidos segundo os tipos de fratura. Os resultados confirmam que a versão brasileira do SF-36 apresenta propriedades psicométricas adequadas para a sua utilização em idosos com fratura de quadril. Independentemente do tipo de fratura de quadril, idosos apresentam prejuízo significativo na sua qualidade de vida um mês e quatro meses após a fratura de quadril, tanto no aspecto físico quanto no psicossocial, com recuperação parcial ao final do quarto mês.
Abstract: Hip fractures occur frequently in the aged and have a considerable impact on health-related quality of life (HRQOL) of the elderly affected. This study aimed to assess the psychometric properties of the Brazilian version of the Medical Outcome Study 36-Item Short-Form Health Survey (SF-36) in elderly with hip fractures and the HRQOL of this population over 4 months following fracture. Forty five elderly (60% female) aged between 62 and 92 years (mean= 74.4; SD=8.81) answered the SF-36. Patient scores at baseline, 1 and 4 months after surgery (ou hospital discharge), were compared to 135 controls (mean age=72.3;SD=6.92), and according to fracture type (femoral neck or trochanteric). Psychometric qualities assessed were: on floor and ceiling effect, item internal consistency, internal consistency reliability, reprodutibility, discriminant validity, item discriminant validity, convergent validity, divergent validity, criterion validity, concurrent validity, construct validity and minimallyl important difference. All psychometric properties assessed were deemed adequate as a whole. Patients scores at baseline were lower (p<0.05) than the controls for vitality, mental health and social aspects domains. Similarly, patients scored lower at 4 months after surgery (p<0.05) than controls, except for the general state of health domain, and also lower at baseline, except for pain, general state of health, social aspects, mental health and vitality domains. No significant difference was observed amongst scores according to type of fracture. Brazilian version of the SF-36 demonstrated good reliability, validity and responsiveness as applied to patients with hip fracture. Independent of type of hip fracture, elderly patients presented significant compromise in their quality of life, at one and four months after hip fracture, both in physical and psychosocial aspects, while experiencing partial recovery only within the fourth month.
Keywords: Qualidade de vida
Idosos
Fratura de quadril
SF-36
Quality of life
Hip fracture
Elderly
Quadril - Fraturas
Fraturas nos idosos
Qualidade de vida
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde
Citation: MENDONÇA, Tania Maria da Silva. Avaliação prospectiva da qualidade e vida relacionada a saúde em idosos com fratura do quadril por meio de um instrumento genérico - the medical outcome study 36-item short-form health survey (sf-36). 2006. 121 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2006.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12864
Issue Date: 29-Sep-2006
Appears in Collections:PGCS - Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TMSMendoncaDISPRT.pdf1.36 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.