Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12669
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Lesões por causas externas em clube recreativo
metadata.dc.creator: Caixeta, Adriana
metadata.dc.contributor.advisor1: Jorge, Miguel Tanús
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Ribeiro, Lindioneza Adriano
metadata.dc.description.resumo: A recreação como atividade física e a prática de esportes têm sido associadas à vida saudável e ao bem estar físico e mental, mas também causa lesões. O objetivo do presente estudo foi o de conhecer a epidemiologia e caracterizar as principais lesões por causas externas que ocorrem em um clube recreativo e esportivo da cidade de Uberlândia (MG). Foram obtidos prospectivamente dados de 885 casos de lesões por causas externas atendidos, em 2004, no departamento médico do clube. As significâncias estatísticas foram avaliadas pelo teste do qui-quadrado ou pelo teste exato de Fisher, tendo sido considerados significantes valores de p<0,01. Predominaram vítimas do sexo masculino e aquelas de 10 a 19 anos; as lesões ocorreram freqüentemente durante a prática de esporte e nos ginásios esportivos; as quedas foram as principais causas, sobretudo em extremos de idade; o membro inferior foi acometido em cerca da metade dos casos e em mais da metade das lesões que ocorreram durante corrida e caminhada; entorse/estiramento e contusão foram as lesões mais freqüentes e as fraturas/luxações ocorreram em menos de 5% dos casos; crianças sofreram proporcionalmente mais contusões e escoriações, e menos entorse/estiramento, do que adolescentes e adultos; a maioria dos encaminhamentos para locais com mais recursos deveu-se a entorse/estiramento, fratura e luxação; o tratamento mais utilizado foi o resfriamento local. Conclui-se que pessoas do sexo masculino na faixa etária de 10 a 49 anos são mais acometidas, principalmente durante a prática de esporte nos ginásios; a queda é a causa de lesão mais comum, sobretudo nos extremos de idade; os tipos de lesões mais freqüentes são entorse/estiramento e contusão; o membro inferior é a região mais acometida; o resfriamento local é o procedimento mais utilizado; os encaminhamentos a serviços de saúde especializados devem-se, sobretudo, a entorse/estiramento, fraturas e luxações.
Abstract: Physical activity and sports practice have been associated with a healthy life, but they can also cause injuries. The aim of this work is to study the epidemiology and classify the most frequent lesions from external causes in a country club in Uberlândia, Minas Gerais State. We prospectively obtained data from 885 patients with injuries from external causes attended at the medical department of this country club, in 2004. Statistical analysis was performed using chi-square and Fisher s exact tests (p<0.01). We observed more injuries among males, with ages of 10 to 19 years. The lesions occurred more frequently during sports practice indoors. Fall was the main cause of injuries, above all in age limits. More than 50% of the lesions in almost half of the patients, resulting from running and walking, occurred in the lower limbs. Sprains, strains, and contusions were the most frequent injuries, while fractures and dislocations affected less than 5% of the patients. Among children, we observed more contusions and skin abrasions and less strains/sprains compared to teenagers and adults. Sprains, strains, fractures, and dislocations were the main reasons for a more complex medical assistance outside the country club. Local cooling with ice packs was the most frequent treatment used. We concluded that injuries affected more frequently males with ages of 10 to 19 years, mainly during sports practice indoors; fall was the most frequent cause of lesions, above all in age limits; strains/sprains and contusions were the most frequent lesions; the lower limb was the most affected region; local cooling was the most common treatment used; strains/sprains, fractures and dislocations were the main reasons for a more complex treatment outside the country club.
Keywords: Lesões
Agravos externos
Esporte
Recreação
Injuries
External causes
Sport
Recreation
Ferimentos e lesões
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde
Citation: CAIXETA, Adriana. Lesões por causas externas em clube recreativo. 2005. 67 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2005.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12669
Issue Date: 9-Dec-2005
Appears in Collections:PGCS - Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ADRICaixetaDISSPRT.pdf416.05 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.