Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12427
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Ensaios para a validação de metodologias para germinação de diásporos de espécies arbóreas do cerrado
metadata.dc.creator: Lobo, Gabriela Alves
metadata.dc.contributor.advisor1: Santana, Denise Garcia de
metadata.dc.contributor.referee1: Ranal, Marli Aparecida
metadata.dc.contributor.referee2: Camargo, José Luis C.
metadata.dc.description.resumo: A validação de metodologias para teste de germinação de diásporos de espécies florestais exige ampla revisão de literatura e conhecimento sobre os aspectos morfofuncionais de plântulas. Assim, o objetivo foi definir metodologias para teste de germinação de diásporos de espécies florestais de Cerrado, a partir de ensaios para identificação das particularidades em função da classificação morfofuncional das plântulas. Como instituições nacionais e internacionais exigem a validação das metodologias para inclusão em suas regras oficiais, foi também objetivo avaliar o desempenho inter-laboratorial dessas metodologias para lotes de diásporos de diferentes qualidades. De 22 espécies de Cerrado foram executados ensaios de germinação com metodologias descritas na literatura com diásporos de diferentes qualidades. Os fatores testados para a germinação foram os métodos de superação da dormência, tempos de pré-embebição e desinfestação dos diásporos com hipoclorito de sódio. Métodos invasivos de superação de dormência podem ocasionar anormalidades nas plântulas, principalmente quando a posição relativa na semente não é levada em consideração. A pré-embebição em água das sementes de Ormosia arborea (Vell.) Harms, Hymenaea stigonocarpa Mart. ex Hayne e Peltogyne confertiflora Benth. acelera o desenvolvimento das plântulas e minimiza a incidência de fungos, contudo aumenta o número de sementes mortas de Enterolobium contortisiliquum (Vell.) Morong. O hipoclorito de sódio foi eficiente na desinfestação de sementes dormentes de Copaifera langsdorffii Desf., Hymenaea stigonocarpa, Ormosia arborea, Plathymenia reticulata Benth. e Stryphnodendron polyphyllum Schott, além de eficiente em sementes não dormentes, como de Cariniana estrellensis (Raddi) Kuntze, Ceiba speciosa (A. St.-Hil.) Ravenna e Pseudobombax tomentosum (Mart. & Zucc.) A. Robyns. Plântulas de espécies florestais possuem particularidades que são relatadas como anormalidades para espécies cultivadas. A classificação morfofuncional das plântulas auxilia na definição das estruturas indispensáveis e essenciais no momento da avaliação das plântulas segundo critérios tecnológicos e, por consequência, no processo de validação.
Abstract: The validation of methods for testing germination of diaspores of forest species requires extensive review of literature and knowledge about the morphofunctional aspects of seedlings. Therefore, the objective of this study was to define methodologies for testing germination of diaspores of Cerrado forest species from pilot tests to identify the particular classification used according to the morphofunctional classification of the seedling. As national and international institutions require validation of the methodologies for inclusion in their official rules, was also to evaluate the performance of these inter-laboratory methodologies for lots of diaspores of different quality. Pilot tests with methods described in the literature were performed with diaspores of different qualities of 22 species of Cerrado. The factors tested for germination were methods for overcoming dormancy, pre-soaking time and disinfection of the diaspores with sodium hypochlorite. Invasive methods to overcome dormancy can cause abnormalities in the seedlings, especially when the relative position of the seed is not taken into consideration. Pre-soaking seeds of Ormosia arborea (Vell.) Harms, Hymenaea stigonocarpa Mart. ex Hayne and Peltogyne confertiflora Benth. in water accelerates the development of seedlings and minimizes the incidence of fungi, but increases the number of dead seeds of Enterolobium contortisiliquum (Vell.) Morong. Sodium hypochlorite was effective in disinfestation of dormancy seeds of Copaifera langsdorffii Desf., Hymenaea stigonocarpa, Ormosia arborea, Plathymenia reticulata Benth. and Stryphnodendron polyphyllum Schott, besides being effective in non-dormant seeds, as Cariniana estrellensis (Raddi) Kuntze, Ceiba speciosa (A. St.-Hil.) Ravenna and Pseudobombax tomentosum (Mart. & Zucc.) A. Robyns. Seedlings of forest species have characteristics that are reported as abnormal for cultivated species. The morphofunctional classification of the seedlings assists in defining the indispensable and essential structures during the seedling evaluation moment according to technological criteria and, consequently, in the validation process.
Keywords: Particularidades em plântulas
Anormalidades em plântulas
Desinfestação
Classificação morfofuncional de plântulas
Seedling particularities
Seedling abnormalities
Disinfestation
Morphofunctional classification of seedlings
Germinação
Florestas
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Biologia Vegetal
Citation: LOBO, Gabriela Alves. Ensaios para a validação de metodologias para germinação de diásporos de espécies arbóreas do cerrado. 2012. 71 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12427
Issue Date: 27-Feb-2012
Appears in Collections:PPGBV - Mestrado em Biologia Vegetal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf5.1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.