Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12191
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Recipientes e fontes orgânicas em substratos na produção de mudas de gravioleira
Other Titles: Containers and substrate organic sources on the production of soursop seedlings
metadata.dc.creator: Andrade, Bruno Bernardes de
metadata.dc.contributor.advisor1: Melo, Berildo de
metadata.dc.contributor.referee1: Silva, Adriane de Andrade
metadata.dc.contributor.referee2: Martins, Mauricio
metadata.dc.contributor.referee3: Souza, Carlos Henrique Eiterer de
metadata.dc.description.resumo: A gravioleira (Annona muricata L.), família Annonaceae, é uma fruteira de grande valor econômico, sendo cultivada comercialmente em diversos países de clima tropical e subtropical. No Brasil, seu cultivo está disperso em diversos estados, sendo o Estado da Bahia o maior produtor. O cultivo da gravioleira representa uma alternativa de fonte de renda atraente, sobretudo, para pequenos produtores rurais. A aceitação do seu fruto pelo mercado consumidor tem obtido incrementos regulares nos últimos anos. A sua importância econômica não está baseada somente no consumo da fruta in natura, mas principalmente no consumo de produtos alimentícios industrializados frequentemente encontrados sob a forma de sucos, sorvetes, polpas, geleias, bem como na indústria farmacêutica que desperta interesse pelos frutos dessa espécie e por sua utilização na medicina homeopática. A produção de mudas de gravioleira ocorre predominantemente através da propagação sexual, com o uso da semente como material propagativo. Poucos são os relatos na literatura a cerca dos recipientes, dos substratos e das adubações a serem utilizadas no processo de produção de mudas dessa espécie; muitas das vezes são adotadas recomendações de adubação para outras espécies na produção de mudas de gravioleira, o que limita a expansão dos cultivos comerciais no país. Com o intuito de avaliar o desenvolvimento de mudas de gravioleira produzidas em diferentes recipientes, com fontes e doses distintas de material orgânico, foram conduzidos, em viveiro telado, na fazenda Água Limpa, Setor de Fruticultura, de propriedade da Universidade Federal de Uberlândia, dois experimentos, ambos em blocos casualizados, com cinco repetições e seis plantas por parcela, sendo o primeiro em esquema fatorial 2 x 3 (recipientes x doses de cama de frango) e o segundo, em esquema fatorial 3 x 4 (fontes e doses de material orgânico). No primeiro experimento, os resultados demonstraram que o tamanho de recipiente e a proporção de cama de frango utilizadas na produção de mudas de gravioleira exerceram efeito significativo independente sobre a altura das plantas, enquanto o diâmetro de caule sofreu efeito apenas do fator proporção de cama de frango. As mudas produzidas em recipientes de menor dimensão apresentaram maiores valores (16,07cm) para a variável altura de plantas em relação àquelas cultivadas em recipientes de maior dimensão (14,29cm). A utilização de 20% v/v de cama de frango na composição do substrato promoveu maiores valores para altura de plantas (16,43cm) em relação às proporções de 40%v/v (15,18cm) e 30%v/v (13,93cm). De maneira similar, o diâmetro de caule das mudas de gravioleira também apresentou os maiores valores (3,12mm) no substrato contendo 20%v/v de cama de frango, demonstrando assim não haver necessidade de grandes quantidades de material orgânico na produção de mudas de gravioleira, reduzindo assim o custo de produção. Os teores foliares de enxofre (S) sofreram efeito da proporção de cama de frango, sendo os maiores valores observados quando utilizados 30% v/v desse material na composição do substrato, enquanto que o teor de Zinco (Zn) apresentou os maiores valores quando as mudas foram produzidas nos recipientes de maior dimensão, independente do substrato utilizado. Dessa forma, conclui-se que sacolas plásticas de menor volume promoveram melhor desenvolvimento das mudas de gravioleira, conferindo a estas maior altura de plantas e maior diâmetro de caule. Além disso, mudas de gravioleira produzidas em substratos contendo 20%v/v de cama de frango em sua composição apresentam-se mais atrativas visualmente, com maior altura e diâmetro de caule mais espesso. No segundo experimento, verificou-se que as fontes de matéria orgânica exerceram influência sobre as variáveis estudadas, sendo os maiores valores para altura de planta (4,18 cm), diâmetro de caule (1,98 mm), massa seca de parte aérea (1,28 g), verificados quando utilizado o esterco de gado na composição do substrato. Tais valores, estatisticamente, não são diferentes dos observados quando utilizada a fonte cama de frango na composição do substrato. A maior razão entre a massa seca de raiz e a massa seca de parte aérea foi verificada nas mudas produzidas com húmus de minhoca em sua composição, sendo esse valor não diferente estatisticamente do observado quando utilizada a fonte cama de frango. Os teores foliares de macro e micronutrientes não sofreram efeito dos tratamentos. Assim, conclui-se que a utilização de esterco de gado e de cama de frango na composição do substrato para produção de mudas de gravioleira, promove o melhor desenvolvimento das mudas.
Abstract: Soursop (Annona muricata L.), family Annonaceae, is a fruit of great economic value, commercially cultivated in many tropical and subtropical countries. In Brazil, its cultivation is scattered in several states, and Bahia appears as the major producer. Soursop cultivation represents an attractive alternative income source, especially for small farmers. The acceptance of the fruit by the consumer market has steadily increased in recent years. Its economic importance is not only based on consumption of fresh fruit, but mainly in the consumption of processed food products often found as juice, ice cream, pulp, jelly, and also by the pharmaceutical industry that uses the fruits of this species in homeopathic medicine. Soursop seedling production occurs predominantly through sexual propagation, using the seed as propagation material. There are few reports in the literature about containers, substrates and fertilizers to be used in the seedling production process and, oftentimes, fertilizer recommendations are adopted from other species, thus limiting the expansion of this crop in the country. Soursop seedling development was evaluated in different containers with different sources and levels of organic material, in a nursery, at the Fruit Crops Sector in Água Limpa farm, at the Federal University of Uberlandia. Two experiments, both in randomized block design with five replicates of six plants per plot, the first one as a 2 x 3 factorial (containers x doses of poultry litter) and the second, as a 3 x 4 factorial (sources and levels of organic material), were done. In the first experiment, the results showed that container size and poultry litter proportion had significant and independent effects on plant height, while stem diameter was affected only the factor proportion of poultry litter. The seedlings produced in smaller containers were taller (16.07 cm) than those grown in larger containers (14.29 cm). The use of 20% v/v of poultry litter in the composition of the substrate showed higher values for plant height (16.43 cm) than the proportion of 40% v/v (15.18 cm) and 30% v/v (13.93 cm). Similarly, soursop seedling stem diameter also showed the greater values (3.12 mm) on the substrate containing 20% v/v poultry litter than in the other concentrations, thus demonstrating that there is no need for large amounts of organic material in soursop seedling production, thereby reducing production costs. Foliar concentrations of sulfur (S) were affected by the proportion of poultry litter, with greater values observed with 30% v/v of this material in the composition of the substrate, whereas the concentration of zinc (Zn) showed the greatest values when the seedlings were grown in larger containers, regardless of the substrate used. Thus, smaller plastic bags promoted better development of soursop seedlings giving them greater plant height and thicker stem, while the substrate containing 20% v/v of poultry litter in its composition are presented seedlings visually more attractive, with greater height and thicker stems. In the second experiment, the sources of organic matter affected the variables studied, with the greatest values for plant height (4.18 cm), stem diameter (1.98 mm), dry shoot mass (1.28 g), when cattle manure was used in the composition of the substrate; however, such values were not statistically different from those observed when poultry litter was used in the composition of the substrate. The greatest ratio of root dry mass and shoot dry mass was observed in seedlings with earthworm humus in its composition, which was statistically different from poultry litter. Foliar concentrations of macro and micronutrients were not affected by treatments. Thus, it can be concluded that the use of cattle manure or poultry litter in the composition of the substrate for soursop seedling production promotes better seedling growth.
Keywords: Graviola
Fruteira
Propagação
Matéria orgânica
Soursop
Fruit tree
Propagation
Organic matter
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Agrárias
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Agronomia
Citation: ANDRADE, Bruno Bernardes de. Containers and substrate organic sources on the production of soursop seedlings. 2013. 57 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12191
Issue Date: 27-Sep-2013
Appears in Collections:PPGA - Mestrado em Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RecipientesFontesOrganicas.pdf866.63 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.