Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12102
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Maturação dos frutos na emergência de plântulas e no potencial frutífero de pitangueira-do-cerrado (Eugenia calycina Cambess)
metadata.dc.creator: Borges, Kelly Cristiene de Freitas
metadata.dc.contributor.advisor1: Santana, Denise Garcia de
metadata.dc.contributor.referee1: Melo, Berildo de
metadata.dc.contributor.referee2: Santos, Carlos Machado dos
metadata.dc.contributor.referee3: Sano, Sueli Matiko
metadata.dc.description.resumo: CAPÍTULO II: Eugenia calycina é uma espécie frutífera de ocorrência em áreas de Cerrado, cujas características morfofisiológicas de frutos e sementes são escassas. Diante disso, os objetivos do trabalho foram quantificar a influência da coloração do fruto nos caracteres morfofisiológicos de frutos e sementes da espécie; determinar o rendimento de polpa e indicar o potencial da espécie para programas de melhoramento genético. Em novembro de 2006, cinqüenta frutos, na coloração verde, laranja, vermelho-claro e vermelhoescuro, foram coletados, extraídas suas sementes e ambos medidos quanto ao comprimento e largura, além das massas das matérias fresca e seca da polpa. Em novembro de 2007, de vinte matrizes, determinaram-se o número de frutos por planta e o rendimento de polpa. A distribuição t de Student foi utilizada para construir intervalos de confiança para comprimento, largura e massa das matérias fresca e seca de polpa, e testar o coeficiente de correlação entre caracteres do fruto e a massa fresca de polpa. Freqüências percentuais e medidas de assimetria e curtose indicaram a natureza da distribuição da largura e do comprimento. Grandes amplitudes foram observadas na morfometria dos frutos (8-20 mm de largura; 10-30 mm de comprimento) e das sementes (8-14 mm largura; 7-14 mm comprimento), dentro do mesmo estádio de maturação. A natureza simétrica e mesocúrtica das distribuições de largura e comprimento dos frutos e sementes revelam seu potencial genético para seleção, mesmo com a antropização de sua área de ocorrência. A produção de frutos por planta foi variável (3 a 20), com rendimento de polpa estimado em 59,1%. CAPITULO III: A ocorrência de espécies frutíferas amplamente cultivadas no Brasil evidencia a necessidade de melhor conhecimento da flora nativa e da preservação dos recursos vegetais naturais. Diante disso, objetivou-se quantificar a influência da coloração dos frutos de Eugenia calycina Cambess. no processo de emergência e no desenvolvimento de plântulas para fins de produção de mudas. Na coleta foram estabelecidos os padrões de coloração do fruto, verde, laranja, vermelho-claro e vermelho-escuro, indicando os diferentes estádios de maturação. O experimento de emergência foi instalado em delineamento de blocos casualizados, com quatro tratamentos (estádios de maturação) e sete repetições de 28 sementes, totalizando 28 parcelas. Para avaliar o desenvolvimento de plântulas, dois experimentos independentes foram instalados, ambos em delineamento de blocos casualizados, usando plântulas do teste de emergência. No primeiro, os tratamentos constaram de plântulas do teste de emergência em diferentes estádios de maturação (verde, laranja, vermelho-claro e vermelho-escuro) e, no segundo, constaram de mistura de substratos contendo substrato comercial, vermiculita e casca de coco em diferentes proporções. Os estádios de maturação dos frutos não afetaram significativamente o processo de emergência, nem mesmo os incrementos em altura do hipocótilo, comprimento de raiz, diâmetro do caule e número de folhas. A capacidade de emergência das plântulas foi alta (83,67 a 90,31%), porém, em média, menos de uma plântula emergiu por dia (VE = 0,737 a 0,819 plântulas por dia). O crescimento das plântulas foi lento, máximo de 7 cm em 210 dias, mesmo quando o substrato foi suplementado com adubação química (osmocote®), casca de coco e vermiculita.
Abstract: CHAPTER II: Eugenia calycina is a fruit bearing species which is present in areas of the Savannah, whose fruit and seed morpho-physiological characteristics are rare. This being so, the objectives of the study were to quantify the influence of fruit coloration in the morphophysiological characters of fruit and seeds of the species; to determine pulp yield and to indicate the potential of the species for genetic improvement programs. In November 2006, fruits in green, orange, bright-red and dark-red colorations, 50 of each coloration were collected, their seeds extracted and both measured with relation to length and width, as well as fresh and dry weight pulp. In November 2007, from 20 matrixes, the number of fruits per plant and pulp yield was determined. The distribution for t Student was used to build confidential intervals for length, width and fresh and dry weight pulp and test the correlation coefficient between characters of the fruit and fresh weight pulp. Frequencies asymmetry and kurtosis measurements indicated the nature of the width and length distribution. Great ranges were observed in fruit size (8-20 mm width; 10-30 mm length) and seeds (8-14 mm width; 7-14 mm length), within the same maturation stage. The symmetrical and mesokurtic nature of the width and length distributions of the fruit and seeds reveal their genetic potential for selection, even with the anthropization of their area of occurrence. The production of fruit per plant was variable (3 to 20), with pulp yield estimated at 59.1%. CHAPTER III: The occurrence of fruit bearing species extensively cultivated in Brazil gives evidence to the need for a better knowledge of native flora and preservation of natural vegetable resources. The aimed was quantifying the influence of the coloration of Eugenia calycina Cambess. fruits in the emergency and development process of seedlings with the purpose of production of same. For the collection, green, orange, bright-red and dark-red coloring patterns of the fruit were established. These indicated the different maturation stages. The emergency experiment was installed in randomized block design, with four treatments (maturation stages) and seven repetitions of 28 seeds, totaling 28 parcels. To evaluate the seedling development, two independent experiments were installed both in randomized block design, using seedlings from the emergency test. In the first experiment, the treatments consisted of seedlings from the emergency test in different maturation stages (green, orange, bright-red and dark-red) and in the second, they consisted of a mixture of substrata containing commercial, vermicular and coconut peel substratum in different proportions. The fruit maturation stages did not affect the emergency process significantly, not even with regards to the increments in hypocotyls height, root length, stem diameter and number of leaves. The seedling emergence capacity was high (83.67 to 90.31%), however, on average, less than one seedling emerged per day (VE = 0.737 to 0.819 seedlings per day). Seedling growth was slow, maximum of 7 cm in 210 days, even when substratum was supplemented with chemical dressing (osmocote®), coconut peel and vermicular substratum.
Keywords: Coloração do fruto
Maturação
Medidas de assimetria
Fruteira do cerrado
Medidas de emergência
Pitangueira-do-cerrado
Crescimento deplântulas
Fruit coloration
Distribution of frequency
Maturation
Asymmetry measurements
Emergency measurements
Seedling growth
Frutas
Pitangueira
Frutas - Maturação
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Agrárias
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Agronomia
Citation: BORGES, Kelly Cristiene de Freitas. Maturação dos frutos na emergência de plântulas e no potencial frutífero de pitangueira-do-cerrado (Eugenia calycina Cambess). 2008. 66 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2008.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12102
Issue Date: 19-Feb-2008
Appears in Collections:PPGA - Mestrado em Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Kelly.pdf4.2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.