Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12036
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Redes organizacionais: perspectiva para a sustentabilidade de uma ONG em Uberlândia-MG
metadata.dc.creator: Sousa, Edileusa Godói de
metadata.dc.contributor.advisor1: Valadão Júnior, Valdir Machado
metadata.dc.contributor.referee1: Moriguchi, Stella Naomi
metadata.dc.contributor.referee2: Bianco, Mônica de Fatima
metadata.dc.description.resumo: O terceiro setor passa por um período de mudanças, em face de crescente problematização social, redução dos investimentos públicos no campo social, crescimento das organizações do setor e da participação das empresas no investimento em ações sociais. Em vista disto, há um aumento da incerteza e da insegurança nas organizações do setor, que para sobreviverem necessitam adaptarem-se, reestruturarem-se, flexibilizarem-se e buscarem permanentemente formas de inovação dentro das novas configurações do ambiente. Assim, as organizações não governamentais estão diante do desafio de pensar continuamente as suas relações: com organizações do mesmo setor, com organizações do Estado e com empresas, de forma a aumentar a sinergia entre uma e outra e a aprofundar a reciprocidade destas relações. Com isto, ganha terreno o termo redes organizacionais, ensejando a parceria como forma de sustentabilidade das organizações do terceiro setor. É neste contexto que se insere a discussão deste trabalho. O objetivo foi investigar a viabilidade de redes intersetoriais e interorganizacionais como perspectiva de sustentabilidade para uma organização nãogovernamental. Para atender a este propósito, inicialmente foram realizadas algumas reflexões acerca do terceiro setor, com ênfase nas organizações não-governamentais. Em seqüência, foi construída uma base conceitual onde foram resgatados os conceitos e definições de sustentabilidade e redes organizacionais. Por fim, apresentou-se um estudo de caso na ONG LAR de Amparo e Promoção Humana, localizada em Uberlândia-MG. A escolha desta instituição se justifica pelo fato dela se destacar perante outras da região em termos de número de atendimentos como também, quantidade de setores de atendimento e por adotar uma gestão baseada em redes organizacionais, tanto para a sua sustentabilidade como para sua expansão, o que vem ao encontro das dimensões de análise desta dissertação. As categorias de análise que conduziram o estudo empírico foram orientadas pelas dimensões: sustentabilidade econômica, sustentabilidade social e sustentabilidade cultural, e ainda, as formas, a natureza das relações entre os parceiros e os tipos de articulações nas redes organizacionais. Os procedimentos metodológicos utilizados foram de natureza aplicada e não experimental, a abordagem predominante foi qualitativa, especificamente, de caráter descritivo qualitativo. Para a coleta de dados adotou-se as técnicas de entrevista semi-estruturada, a observação direta e a análise de documentos. Para a análise e interpretação dos dados foi utilizada a técnica da triangulação. Os resultados da pesquisa apontam que a captação e disponibilização dos recursos oriundos das redes organizacionais são um desafio constante para a organização estudada. Tudo indica que quando há um conjunto de normas, regras e procedimentos preestabelecidos por parte dos parceiros, o encontro que deveria ser pautado na cooperação, passa a ser um encontro de prestação de serviços. Contudo, tudo leva a crer que, aquelas organizações que conseguem uma maior aproximação, principalmente, com o poder público, ao suprir parte da demanda deste, oferecendo atendimento com qualidade, têm perspectiva maior rumo à sustentabilidade, por terem o acesso a recursos fundamentais na implantação de seus projetos sociais. Entretanto, no desenvolvimento seqüencial destas ações, possivelmente, estão muitos desafios ainda para a organização, principalmente em encontrar e sustentar os elos articuladores de uma pluralidade de relações.
Abstract: The third sector is going through a period of changes due to growing social problems, reduction of public investments in the social area, growth of the organizations in this sector, and companies investment in social actions. Hence, there is an increase in uncertainty and insecurity of the organizations in this sector, which need to adapt, restructure, become more flexible, and permanently search for ways to innovate according to the new configurations of the environment. Thus, non-governmental organizations are facing the challenge of having to continuously think about their relationships with other organizations of the same sector, with State organizations, and with companies in order to increase the synergy between one and the other and to deepen the reciprocity of these relations. Therefore, the term "organizational networks" gains ground, offering opportunities for partnership as a means of sustainability of third-sector organizations. The discussion of this work is placed in the former context. The aim was to investigate the feasibility of inter-sector and inter-organizational networks aspiring a sustainability perspective for non-governmental organizations. At first, ponderings over the third-sector were made emphasizing non-governmental organizations. Secondly, a conceptual basis was constructed to bring back the concepts and definitions of sustainability and organizational networks. Finally, a case study of the NGO "LAR de Amparo e Promoção Humana" in the town of Uberlândia MG was presented. This institution was chosen due to its projection in the number of people assisted, the variety of sectors that assisted these people and for adopting a management based in organizational networks regarding not only its sustainability but also its expansion, which is linked to the purpose of this analysis. The analysis categories that conducted the empirical study were guided by the following: economic sustainability, social sustainability and cultural sustainability, as well as the forms, the nature of the relationship between the partners, and the sorts of connections in the organizational networks. Applied methodological procedures were used instead of experimental ones. The predominant approach was qualitative, more specifically, descriptive qualitative. Semi-structured interview techniques, direct observation and document analysis were used for gathering data. The triangulation technique was used for data analysis and interpretation. The research results show that the gathering and availability of resources from organizational networks are a permanent challenge for the organization studied. As far as this study suggests, when there is a set of norms, rules and procedures pre-established by the partners, the meeting, which should be based on cooperation, ends up being a meeting for providing services. However, we are led to believe that those organizations which achieve a greater proximity especially to the Public Power, supplying part of the Government s demand by offering quality assistances, have a higher sustainability perspective for having access to fundamental resources in implementing its social projects. In spite of that, in the following development of these actions, there are still possibly many challenges for the organization, especially related to finding and sustaining the articulate bonds of a variety of relationships.
Keywords: Gestão
Organizações não-governamentais
Redes
Sustentabilidade
Management
Non-governmental organizations
Networks
Sustainability
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Sociais Aplicadas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Administração
Citation: SOUSA, Edileusa Godói de. Redes organizacionais: perspectiva para a sustentabilidade de uma ONG em Uberlândia-MG. 2005. 180 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2005.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12036
Issue Date: 16-Dec-2005
Appears in Collections:CPGAD - Mestrado em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EGSousaDISSPRT.pdf862.95 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.