Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12003
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Transparência, desempenho e risco: uma comparação entre empresas de comércio eletrônico do Brasil e dos EUA
metadata.dc.creator: Alves, Leandro de Carvalho
metadata.dc.contributor.advisor1: Ribeiro, Kárem Cristina de Sousa
metadata.dc.contributor.referee1: Pereira, Vinícius Silva
metadata.dc.contributor.referee2: Brugugnoli, Veronica Favato
metadata.dc.description.resumo: A transparência é, dentre os mecanismos de Governança Corporativa propostos pela Teoria da Agência, aquele que proporciona a redução da assimetria de informações. Assim, procurou-se com esta pesquisa analisar a relação entre a transparência, medida pelo gerenciamento de resultados (earnings management), o desempenho e o risco nas empresas de comércio eletrônico listadas na NASDAQ ou na BM&F Bovespa, entre os anos de 2003 e 2013. Buscou-se também analisar a diferença dessas variáveis entre as empresas brasileiras e norte americanas, o seu comportamento nos momentos de crise e a interação entre crise e transparência. Para isso, utilizou-se os testes paramétrico e não paramétrico de diferenças de médias e regressões com dados em painéis. A transparência foi medida pelas variáveis de gerenciamento de resultados propostas por Leuz, Nanda e Wysocki (2003). O desempenho foi mensurado pelo ROE, ROA e EBIT/Venda e o risco pelo Beta, WACC no tempo corrente e em t +1. Os momentos de crise ano de 2008, para todas as empresas, e ano de 2011, para as empresas norte americanas foram definidos de acordo com a literatura sobre o tema. Os resultados significantes dos testes de diferenças de médias indicam que as empresas norte-americanas são mais transparentes e apresentam maior desempenho e menor risco. Porém, para umas das variáveis de transparência (T2v) e para o WACC no tempo corrente são as empresas brasileiras que, na média, apresentam maior transparência e menor risco. Já as regressões apontam que as empresas mais transparentes apresentam, na média, maiores desempenhos e maiores riscos. Nos períodos de crise, observa-se, no geral, o aumento tanto no desempenho quanto no risco. Entretanto, a interação entre crise e transparência indica que as empresas mais transparentes são menos arriscadas e, também, reportam menores desempenhos, visto que gerenciam menos os seus resultados.
Abstract: Among the Corporate Governance mechanisms proposed by the Agency Theory, disclosure is the one that provides the reduction of information asymmetry. This research examines the relationship between disclosure, performance and risk in e-commerce companies listed on NASDAQ or on BM&F Bovespa between the years 2003 and 2013. Also it analyzes the difference of these variables between the Brazilian and North American companies, their behavior in times of crisis and the interaction between crisis and disclosure. To achieve this, were used parametric and nonparametric tests of differences in means and regressions with panel data. Disclosure was measured by the variables of earnings management proposed by Leuz, Nanda and Wysocki (2003). Performance was measured by ROE, ROA and EBIT/Sales and risk was measured by Beta, WACC in the current time and in t+1. Moments of crisis - 2008 for all companies and 2011 for North American companies - were defined according to the literature on the subject. Significant results on tests of differences in means indicate that North American companies are more transparent and have higher performance and lower risk than the Brazilian companies. But for one disclosure variable (T2V) and for the WACC in the current time Brazilian companies have on average higher disclosure and lower risk. Regressions indicate that transparent companies have in average the best performance and highest risk. In time of crisis both performance and risk tend to be even higher. However, the interaction between crisis and disclosure indicates that the firms with more disclosure are less risky and, also, report a lower performance, since they manage their results less than others.
Keywords: Transparência
Gerenciamento de resultados
Desempenho
Risco
Comércio eletrônico
Disclosure
Earnings management
Performance
Risk
e-commerce
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Sociais Aplicadas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Administração
Citation: ALVES, Leandro de Carvalho. Transparência, desempenho e risco: uma comparação entre empresas de comércio eletrônico do Brasil e dos EUA. 2014. 122 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12003
Issue Date: 24-Nov-2014
Appears in Collections:CPGAD - Mestrado em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TransparenciaDesempenhoRisco.pdf1.33 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.