Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/11986
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Participação nos lucros no setor bancário: a relação entre a rentabilidade bancária de bancos no Brasil e o pagamento de participação nos lucros
metadata.dc.creator: Nogueira, Sérgio Guimarães
metadata.dc.contributor.advisor1: Ribeiro, Kárem Cristina de Sousa
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Forti, Cristiano Augusto Borges
metadata.dc.contributor.referee1: Coaguila, Robert Aldo Iquiapaza
metadata.dc.description.resumo: Os bancos brasileiros têm sido alvo de inúmeras mudanças nos últimos anos que vão desde adequação de estrutura física e de pessoal até o desenvolvimento de novos produtos financeiros que possam ser competitivos, passando pelo desenvolvimento de tecnologias de análise de dados e de segurança de informação. Neste contexto a redução de custos é obrigatória bem como o aumento de eficiência. Do ponto de vista tecnológico, essas frentes, redução de custos e aumento de eficiência, podem ser facilmente compreendidas, porém quando se diz respeito à mão de obra, podem parecer antagônicas. Como assegurar qualidade de atendimento e conhecimento técnico se os bancos tem procurado restringir o número de funcionários, exigir deles uma maior quantidade de transações em um menor tempo, dandolhes um menor intervalo de preparo e treinamento, e proposto terminais de auto-atendimento e internet banking ao invés de agências? Os incentivos financeiros podem ser a saída, em especial os planos de participação nos lucros. O presente trabalho através de uma retomada teórica dos conceitos de motivação e remuneração, participação nos lucros e/ou resultados e da organização do sistema financeiro nacional, objetiva verificar se o resultado financeiro dos bancos pode ser influenciado pela participação nos lucros paga aos funcionários. O retorno sobre os ativos (ROA) foi o indicador escolhido para medir a rentabilidade bancária. Através de um banco de dados, que reúne todos os bancos comerciais, múltiplos e Caixa Econômica Federal, existentes em um ou mais anos entre 2001 e 2011, e cujos informativos financeiros (balanço patrimonial BP e demonstrativo do resultado do exercício DRE) estavam disponíveis nos IFTs (informativos financeiros trimestrais) do Banco Central do Brasil, construiu-se um modelo. Neste modelo, o ROA é variável dependente e o montante pago a título de participações nos lucros foi uma das variáveis independentes, ao lado de: nível de capitalização bancário, alavancagem da instituição, risco da carteira de crédito, índice de imobilização do ativo total, liquidez bancária e o crescimento da carteira de crédito. A estimação foi feita utilizando-se o método de dados em painel com efeitos aleatórios. Também foi feita uma análise utilizando o mesmo método, porém com efeitos fixos. Os resultados demonstraram que há uma relação positiva e significativa entre participação nos lucros e ROA dos bancos, confirmando a hipótese inicial desta pesquisa. Outras conclusões que também puderam ser conhecidas compararam o montante distribuído pelos bancos públicos, em relação aos bancos privados e aos bancos estrangeiros; e o nível desta influência nos bancos de capital aberto, nos de capital fechado, e naqueles de controle estatal.
Abstract: Brazilian banks have been the target of numerous changes in recent years, ranging from the appropriateness of physical structure and staff, to the development of new financial products that can be competitive, through the development of data analysis technologies and information security. In this context, the cost reduction is required, as well as the increased efficiency. From the technological viewpoint, these fronts, cost reduction and increased efficiency, can be easily understood, but when it concerns the labor might seem antagonistic. How to ensure quality of care and technical knowledge, if banks have sought to restrict the number of employees, require of them a greater number of transactions in a shorter time (giving them a lower range of preparation and training) and proposed ATMs and internet banking rather than agencies? Financial incentives can be alternative, especially the profit participation plans. The present work through a resumption of theoretical concepts of motivation and remuneration, profit-sharing or results and organization of the national financial system, aims to verify that the financial results of banks can be influenced by the profit sharing paid to employees. The return on assets (ROA) was the chosen indicator to measure the bank profitability. Through a database that brings together all the commercial banks, and Caixa Econômica Federal, exist in one or more years between 2001 and 2011, and whose financial information (balance sheet-BP and statement of income for the year DRE) were available in the IFTs (Quarterly Financial Information) of the Central Bank of Brazil, has built up a model. In this model, the ROA is the dependent variable and the amount paid by way of participation in profits was one of the independent variables, along with the banking capitalization level of leverage, risk of the credit portfolio, immobilization of total assets, bank liquidity and growth of the credit portfolio. The estimation was done using the method of panel data with random effects. Also a analysis was made using the same method, but with fixed effects. The results showed that there is a positive and significant relationship between profit and ROA of banks, confirming the initial hypothesis of this research. Other findings that could be known also compared the amount distributed by the public banks, private banks and foreign banks; and the level of this influence on publicly traded banks, in private, and in those of State control.
Keywords: Bancos brasileiros
Participação nos lucros
Remuneração
Motivação extrínseca financeira
Brazilian banks
Profit-sharing
Remuneration
Extrinsic financial motivation
Bancos - Brasil
Participação no lucro da empresa
Lucros
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Sociais Aplicadas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Administração
Citation: NOGUEIRA, Sérgio Guimarães. Participação nos lucros no setor bancário: a relação entre a rentabilidade bancária de bancos no Brasil e o pagamento de participação nos lucros. 2013. 202 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/11986
Issue Date: 26-Aug-2013
Appears in Collections:CPGAD - Mestrado em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sergio Guimaraes.pdf3.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.