Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/11950
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: O gestor brasileiro no exterior: e a academia, acompanha essas competências?
metadata.dc.creator: Sousa, Adriana de Faria e
metadata.dc.contributor.advisor1: Valadão Júnior, Valdir Machado
metadata.dc.contributor.referee1: Freitas, Maria Ester de
metadata.dc.contributor.referee2: Melo, Marlene Catarina de Oliveira Lopes
metadata.dc.description.resumo: O objetivo deste estudo foi identificar como o currículo dos cursos brasileiros de graduação em Administração - representados por uma amostra escolhida entre os cursos que obtiveram conceito cinco no ENADE e na avaliação in loco do MEC - contribui para o desenvolvimento de competêncais que contribuam para preparar seus alunos para a possibilidade de assumirem designações internacionais. Levou-se em consideração não apenas os processos de expatriação, mas o de busca voluntária por novos desafios pessoais e profissionais ao redor do globo. Trata-se de uma pesquisa descritiva, onde foram utilizadas diferentes metodologias para a consecussão dos objetivos específicos propostos. Foi realizado um levantamento junto a gestores brasileiros que trabalham no exterior a fim de identificar seus principais aprendizados, a partir dos estudos de McCall e Hollenbeck (2003). Posteriormente, os resultados foram sintetizados em grupos Gestão de Pessoas, Gestão de Negócios, Gestão de Stakeholders, Relações Hierárquicas e Idioma e Cultura - que por sua vez foram relacionados às competências necessárias ao gestor global, identificadas na literatura (ECHEVESTE et al., 1999). A partir daí foram propostos parâmetros através dos quais as ementas dos cursos foram avaliadas, por meio de análise de conteúdo clássica, com contagem de palavras feita a partir do estabelecimento de categorias. Em linhas gerais, observou-se que cerca da metade dos cursos avaliados possuem indicativos de que as competências estariam sendo desenvolvidas em seus alunos, sendo que a mais presente é Visão estratégica, seguida de Capacidade para tomar decisões. Foram avaliadas 1.324 ementas, sendo que em 622 foi possível identificar algum tipo de aderência às 17 competências propostas neste estudo. Pode-se inferir que os cursos brasileiros de administração parecem contemplar em suas ementas a aprendizagem das competências que ajudam a capacitar um gestor para trabalhar em um contexto internacional, mas isso deve somar-se a outras experiências profissionais e pessoais. Além disso, durante o curso, não existe uma relação direta com este cenário, exceto por um grupo de disciplinas, que foram avaliadas sob a categoria Negócios internacionais. Para futuros estudos, indica-se a ampliação do levantamento para profissionais brasileiros que atuam em diferentes países, a fim de eliminar possíveis vieses. É possível também ampliar o número de universidades pesquisadas e estender as análises para a realização de entrevistas com egressos e professores. Indica-se também a necessidade de estudo mais aprofundado dos projetos pedagógicos e de sua relação com as demandas do mercado de trabalho contemporâneo, onde cresce a procura por profissionais abertos a novos desafios pessoais e profissionais.
Abstract: The aim of this study was to identify how the syllabuses of undergraduate Brazilian Business Administration courses represented by a sample chosen among the courses that obtained grade 5 in ENADE (National Exam of Students Performance) and in MEC (Ministry of Education) evaluation contribute to the development of competencies that help preparing their students for the possibility of taking international assignments. It was taken account not only the expatriation processes, but also the voluntary search for new personal and professional challenges around the globe. It s a descriptive research, in which different methodologies were used for attaining the specific objectives proposed. A survey was conducted with Brazilian managers who work abroad in order to identify their main learning experiences, based on the studies of McCall and Hollenbeck (2003). Subsequently, the results were synthesized in groups People Management, Business Management, Stakeholders Management, Hierarchical Relationships, and Language and Culture which were related to the necessary competencies of a global manager, identified in the literature (ECHEVESTE et at. 1999). Thereafter, parameters have been proposed through which the course descriptions were evaluated, by means of classical content analysis, with word count made from the establishment of categories. In brief, we observed that about half the evaluated courses have indicators that the competencies were being developed among the students, being the most recurrent Strategic vision, followed by Decision-making Capacity. A total of 1324 course descriptions were evaluated, and in 622 of them it was possible to identify some kind of adherence to the 17 competencies proposed in this study. We came to the conclusion that Brazilian Business Administration courses seem to contemplate in their course descriptions the learning of the competencies that help capacitate a manager to work in an international context, but other personal and professional experiences must be added to them. Moreover, during the course, there is no direct relation with this scenario, except for a group of subjects that were evaluated under the category International Businesses. For future studies, we indicate an expansion of the survey to Brazilian professionals who work in different countries in order to eliminate possible biases. It is also possible to increase the number of surveyed universities and extend the analysis to interviewing returning students and teachers. We also indicate the necessity of a deeper study of educational projects and their relation with the contemporary labor market, in which there is a growing demand for professionals open to new personal and professional challenges.
Keywords: Gestor brasileiro
Expatriação
Designações internacionais
Intercultural
Ementas
Competências
Cosmopolita
Currículo
Graduação em administração
Cultura
Multicultural
Brazilian managers
Expatriation
International assignments
Intercultural
Course descriptions
Competencies
Cosmopolitan
Syllabus
Undergraduate business administration
Culture
Multicultural
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Sociais Aplicadas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Administração
Citation: SOUSA, Adriana de Faria e. O gestor brasileiro no exterior: e a academia, acompanha essas competências?. 2011. 167 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/11950
Issue Date: 28-May-2011
Appears in Collections:CPGAD - Mestrado em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diss Adriana.pdf1.78 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.