Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29532
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSantos, Sâmela Keila Almeida dos-
dc.date.accessioned2020-07-21T12:29:27Z-
dc.date.available2020-07-21T12:29:27Z-
dc.date.issued2020-04-22-
dc.identifier.citationSANTOS, Sâmela Keila Almeida dos. Exoenzima protease em rações base sorgo grão inteiro ou moído em dietas para frangos de corte e galinhas poedeiras. 2020. 84 f. Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2020. Disponível em: http://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.384pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29532-
dc.description.abstractThe reduction in production costs and the search for better digestibility of the nutrients present in cereal grains are constant in poultry. The objective of this work was to evaluate the inclusion of exoenzyme protease in ground or whole grain sorghum diets for laying hens and broilers on performance, energy and digestibility of nutrients. Two experiments were carried out: Experiment 1 was developed in a completely randomized design, consisting of five diets: corn (M), ground sorghum (SM), whole sorghum (SI), ground sorghum with protease (SMP) and whole sorghum with protease (SIP), with six replications, total of 150 hens, housed in number of five birds per cage. At 23 days of experiment, the digestibility test was performed and at the end of the 28-day cycle, the parameters of productivity, quality and subsequent bromatological composition of the eggs were determined. The laying percentage was higher in birds that received diets with protease and the feed conversion per egg mass was better for the treatment in SMP, with no difference between the treatments SIP and M. Regarding egg quality, the diets M and SMP provided greater Haugh unity. Higher content of ether extract in the yolk was observed in eggs of birds that received SI and SIP diets and a higher percentage of mineral matter in the albumen was provided by the SMP diet. There was no difference for the variables apparent metabolizable energy and corrected for nitrogen balance (EMA and EMAn) between treatments. The higher digestibility of crude protein (DPB) was provided by the SIP diet, which also had a lower production cost. It is concluded that the use of exoenzyme protease in sorghum-based diets improves the parameters of production, quality and composition of eggs and digestibility of laying hens. Experiment 2 was carried out in a completely randomized design, with four treatments with ten repetitions, each box with 20 birds (males and females), totaling 800 birds of the Cobb Slow strain. The treatments were ration: SM, SI, SMP and SIP. At 22 days of age, a digestibility assay was performed consisting of four treatments and six repetitions to determine the values of EMA, EMAn, DPB and DEE (digestibility of the ether extract) and at 28 and 42 days of age were measured: live weight (PV), feed intake (CR), feed conversion (AC). There was no difference for the values of EMA, EMAn and DEE in the tested diets. DPB was better in diets with added protease. Regarding performance at 28 days of age, the SMP diet provided greater PV and SIP provided better CA in birds compared to the SM diet. At 42 days of age the performance parameters analyzed were the same in the tested diets. It is concluded that the addition of protease in diets based on whole or ground sorghum did not influence energy, but improved the performance of broilers at 28 days of age, pointing out that there was a greater digestibility of crude protein from the ground diet with protease. Whole grain sorghum together with exoenzyme protease is nutritionally and economically viable in the nutrition of laying hens and broilers.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectKafirinapt_BR
dc.subjectKafirinpt_BR
dc.subjectConversão alimentarpt_BR
dc.subjectFeed Conversionpt_BR
dc.subjectDigestibilidadept_BR
dc.subjectDigestibilitypt_BR
dc.subjectGranulometriapt_BR
dc.subjectGranulometrypt_BR
dc.subjectProlaminapt_BR
dc.subjectProlaminept_BR
dc.titleExoenzima protease em rações base sorgo grão inteiro ou moído em dietas para frangos de corte e galinhas poedeiraspt_BR
dc.title.alternativeExoenzyme protease in whole or ground sorghum sorghum-based rations in diets for chicken and laying henspt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.contributor.advisor1Fernandes, Evandro de Abreu-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6089364901182067pt_BR
dc.contributor.referee1Nascimento, Mara Regina Bueno de Matos-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6635591379326287pt_BR
dc.contributor.referee2Dias, Ana Luísa Neves Alvarenga-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/1919011325259598pt_BR
dc.contributor.referee3Luquetti, Brenda Carla-
dc.contributor.referee3Latteshttp://lattes.cnpq.br/8277918686583938pt_BR
dc.contributor.referee4Silveira, Ana Carolina Portella-
dc.contributor.referee4Latteshttp://lattes.cnpq.br/6403336901580200pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/4006250112218080pt_BR
dc.description.degreenameTese (Doutorado)pt_BR
dc.description.resumoA redução nos custos de produção e a busca por melhor digestibilidade dos nutrientes presentes nos grãos de cereais são constantes na avicultura. Objetivou-se com este trabalho avaliar a inclusão de exoenzima protease em dietas sorgo grão moído ou inteiro para galinhas poedeiras e frangos de corte sobre desempenho, energia e digestibilidade dos nutrientes. Foram realizados dois experimentos: O experimento 1 foi desenvolvido em um delineamento inteiramente casualizado, constituído de cinco rações: milho (M), sorgo moído (SM), sorgo inteiro (SI), sorgo moído com protease (SMP) e sorgo inteiro com protease (SIP), com seis repetições, total de 150 galinhas, alojadas em número de cinco aves por gaiola. Aos 23 dias de experimento foi realizado o teste de digestibilidade e ao final do ciclo de 28 dias determinou-se os parâmetros de produtividade, qualidade e posterior composição bromatológica dos ovos. A porcentagem de postura foi maior nas aves que receberam rações com protease e a conversão alimentar por massa de ovos foi melhor para o tratamento no SMP, não sendo diferente entre os tratamentos SIP e M. Quanto à qualidade de ovos, as rações M e SMP proporcionaram maior unidade Haugh. Maior conteúdo de extrato etéreo na gema foi observado em ovos de aves que receberam rações SI e SIP e maior porcentagem de matéria mineral no albúmen foi proporcionada pela dieta SMP. Não houve diferença para as variáveis energia metabolizável aparente e corrigida para balanço de nitrogênio (EMA e EMAn) entre os tratamentos. A maior digestibilidade da proteína bruta (DPB) foi proporcionada pela ração SIP, que também apresentou um menor custo de produção. Conclui-se que a utilização da exoenzima protease em rações à base de sorgo melhora os parâmetros de produção, qualidade e composição dos ovos e digestibilidade de galinhas poedeiras. O experimento 2 foi realizado em um delineamento foi inteiramente casualizado, sendo quatro tratamentos com dez repetições, cada boxe com 20 aves (machos e fêmeas), totalizando 800 aves da linhagem Cobb Slow. Os tratamentos foram ração: SM, SI, SMP e SIP. Aos 22 dias de idade foi realizado um ensaio de digestibilidade composto de quatro tratamentos e seis repetições para a determinação dos valores de EMA, EMAn, DPB e DEE (digestibilidade do extrato etéreo) e aos 28 e 42 dias de idade foram mensurados: peso vivo (PV), consumo de ração (CR), conversão alimentar (CA). Não houve diferença para os valores de EMA, EMAn e DEE nas rações testadas. A DPB foi melhor nas rações com adição de protease. Com relação ao desempenho aos 28 dias de idade, a dieta SMP proporcionou maior PV e a SIP proporcionou melhor CA nas aves se equiparando à dieta SM. Aos 42 dias de idade os parâmetros de desempenho analisados foram iguais nas rações testadas. Conclui-se que a adição de protease em dietas base sorgo inteiro ou moído não influenciou na energia, mas melhorou o desempenho de frangos de corte aos 28 dias de idade, ressaltando que ocorreu maior digestibilidade da proteína bruta da ração base sorgo moído com protease. O sorgo grão inteiro em conjunto com a exoenzima protease é nutricionalmente e economicamente viável na nutrição de galinhas poedeiras e frangos de corte.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Ciências Veterináriaspt_BR
dc.sizeorduration84pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMALpt_BR
dc.identifier.doihttp://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.384pt_BR
dc.orcid.putcode77675184-
dc.crossref.doibatchide78d83ad-5dd3-47ec-be82-bd6a78dd2d78-
Appears in Collections:TESE - Ciências Veterinárias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ExoenzimaProteaseRacoes.pdf
  Until 2022-04-22
1.43 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.