Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29054
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorRodrigues, Guilherme Bernardes-
dc.date.accessioned2020-03-26T21:50:09Z-
dc.date.available2020-03-26T21:50:09Z-
dc.date.issued2020-02-10-
dc.identifier.citationRODRIGUES, Guilherme Bernardes. Avaliação da tenacidade à fratura: Método teste de torção em entalhe helicoidal. 2020. 137 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2020. Disponível em: http://doi.org/10.14393/ufu.di.2020.8pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29054-
dc.description.abstractThe fracture toughness in the plane strain (KIC) has been widely used as a mechanical and structural components project tool. Over the years, several KIC determination methods were developed. However, they have significant limitations, mainly as regards to specimen dimensions. To overcome this problem, Wang and Liu (2003) developed the Spiral Notch Torsion Test (SNTT). Despite being a promising method, the SNTT has not been adopted by the scientific community mainly due to the lack of the test methodology clarity. This work aims the KIC determination using the SNTT method. A SNTT test methodology were described and validated testing the AISI 4340 steel. The results obtained by the SNTT method were compared to those provided by conventional method testing C(T) specimens. The SNTT methodology for KIC determination is efficient. The Analysis of Variance (ANOVA) technique was applied, and it was observed that the KIC values obtained by both methods are statically equals. The systematic error, as the maximum error, associated with the KIC values obtained by SNTT method was of 2.8 %. The repeatability and expanded uncertainty associated with KIC values obtained by the SNTT method were better than those observed for the conventional method. The SNTT method provided KIC values with excellent repeatability, smaller than those observed in the studied literature using conventional method (about 52 % for the worst case). Pre-crack growth was not uniform throughout the whole notch, indicating an “edge effect” on the extremities. This fact denotes that the final stopping angle estimate must be improved.pt_BR
dc.description.sponsorshipCNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológicopt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/us/*
dc.subjectSNTTpt_BR
dc.subjectTenacidade à fraturapt_BR
dc.subjectFracture toughnesspt_BR
dc.subjectANOVApt_BR
dc.subjectIncerteza de mediçãopt_BR
dc.subjectMeasurement uncertaintypt_BR
dc.titleAvaliação da tenacidade à fratura: Método teste de torção em entalhe helicoidalpt_BR
dc.title.alternativeFracture toughness evaluation: SNTT methodpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisor-co1Filho, Waldek Wladimir Bose-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7343747084770689pt_BR
dc.contributor.advisor1Arencibia, Rosenda Valdés-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5680475427208141pt_BR
dc.contributor.referee1Paes, Marcelo Torres Piza-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0148916978758197pt_BR
dc.contributor.referee2Vilarinho, Louriel Oliveira-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/8553716610264673pt_BR
dc.contributor.referee3Oliveira, Sônia Aparecida Goulart de-
dc.contributor.referee3Latteshttp://lattes.cnpq.br/3818193084898242pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/5823447312254987pt_BR
dc.description.degreenameDissertação (Mestrado)pt_BR
dc.description.resumoA tenacidade à fratura no estado plano de deformação (KIC) vem sendo amplamente utilizada como uma ferramenta no projeto de componentes estruturais e mecânicos. Ao longo dos anos, diversos métodos para determinação de KIC foram desenvolvidos. Entretanto, estes possuem limitações significativas, principalmente no que se refere às dimensões dos corpos de prova. Com o objetivo de sanar as dificuldades para determinação de KIC, Wang e Liu (2003) desenvolveram o método Spiral Notch Torsion Test (SNTT). Apesar de ser um método promissor, o SNTT ainda não foi adotado pela comunidade científica devido, principalmente, à falta de clareza da metodologia do ensaio. Dessa forma, este trabalho teve como objetivo principal a determinação de KIC utilizando o ensaio SNTT. Para tanto, se buscou o detalhamento e a validação de uma metodologia para o ensaio. Essa metodologia proposta foi validada por meio de ensaios em corpos de prova SNTT, tendo então seus resultados comparados com os obtidos pelo método convencional em corpos de prova C(T). Foi demonstrado que a metodologia é eficiente na determinação experimental de KIC. A ANOVA indicou que os valores de KIC obtidos por ambos os métodos são estatisticamente iguais. O erro sistemático, bem como o erro máximo, associados aos valores de KIC obtidos pelo método SNTT foi de 2,7 %. Ainda, a repetibilidade e a incerteza expandida associadas aos valores de KIC obtidos pelo método SNTT foram melhores que as observadas para o método convencional. Verificou-se que o método SNTT apresenta uma repetibilidade significativamente melhor (cerca de 52 % para o pior caso) que a observada na literatura estudada utilizando o método convencional. O crescimento da pré-trinca não foi uniforme ao longo de todo o entalhe, indicando a existência de um “efeito de borda” nas extremidades. Esse fato indica que a estimativa do ângulo final de parada deve ser melhorada.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Engenharia Mecânicapt_BR
dc.sizeorduration137pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA MECANICA::PROCESSOS DE FABRICACAO::PROCESSOS DE FABRICACAO, SELECAO ECONOMICApt_BR
dc.identifier.doihttp://doi.org/10.14393/ufu.di.2020.8pt_BR
dc.crossref.doibatchidd27cfffb-a7eb-43e8-845c-9cb5fa78d387-
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Engenharia Mecânica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliaçãoTenacidadeFratura.pdfDissertação6.98 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons