Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25153
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorOliveira, Camila Soares de-
dc.date.accessioned2019-05-14T14:58:09Z-
dc.date.available2019-05-14T14:58:09Z-
dc.date.issued2019-02-22-
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Camila Soares de . Estimativas de ganho genético por diferentes critérios de seleção em genótipos de tomateiro sob deficiência hídrica. 2019. 37 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em:http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.9pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25153-
dc.description.abstractTomato crops require high amounts of water and are negatively affected when submitted to water restriction conditions. This may be minimized by using the introgression of genes responsible for controlling the tolerance to water deficits. However, the characteristics related to this type of tolerance are highly complex, which limits selection inferences. The use of selection indexes may be an efficient tool to select genotypes that are more tolerant. This research aims to assess selection indexes based on the estimated genetic gains, as well as to select tomato plant genotypes after they have been submitted to conditions of water deficit through different selection criteria. The research took place at the Horticultural Experiment Station of the Federal University of Uberlandia and was conducted in Random Block Design (RBD) with three repetitions. We used seven genotypes from the interspecific cross between S. pennellii vs UFU-040, Solanum pennelli the donor parent, UFU-040 the recurrent parent and the cv. Santa Clara, totaling ten treatments. Plants were submitted to a moderate water deficit with a matric potential of -34 kPa. We analyzed foliar temperature, the SPAD index, leaf water potential, amount of fruits produced per plant, average fruit weight, yield per plant, incidence of apical rotting, dry matter of the aerial part percentage, root and total, amount of leaves, plant height, and distance of 1st bunch relative to the substrate. In sequence, analysis of variance, Scott-Knott’s and Dunnett’s tests for comparison of means, genotypes’ relative superiority tests and analysis of selection indexes were performed. The genitor donor, wild accession S. pennellii, was indeed tolerant to water deficit and the Santa Clara cultivar was sensitive to water restriction. This fact reinforces the wild accession’s genetic potential of S. pennellii for introgression of genes that promote water deficit tolerance. The T5 genotype presented agronomic potential and satisfactory levels of water deficit tolerance, and it was 58,2% higher in production than the pre-commercial lineage and the UFU-040 recurrent parent. The ideotype-genotype distance selection index is the most appropriate for selection of tomato plant genotypes submitted to water deficit.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectEstresse abióticopt_BR
dc.subjectSolanum lycopersicum L.pt_BR
dc.subjectGanhos de seleçãopt_BR
dc.subjectRetrocruzamentopt_BR
dc.subjectAbiotic stresspt_BR
dc.subjectSelection gainspt_BR
dc.subjectBackcrossingpt_BR
dc.subjectAgronomiapt_BR
dc.subjectTomate - Culturapt_BR
dc.subjectTomate - Genótipo - Seleçãopt_BR
dc.subjectFitotecniapt_BR
dc.subjectLycopersicon esculentumpt_BR
dc.titleEstimativas de ganho genético por diferentes critérios de seleção em genótipos de tomateiro sob deficiência hídricapt_BR
dc.title.alternativeGenetic gain estimates by different selection criteria in tomato genotypes under water deficit.pt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisor1Maciel, Gabriel Mascarenhas-
dc.contributor.referee1Fraga Júnior, Eusímio Felisbino-
dc.contributor.referee2Rettare Neto, Osvaldo-
dc.contributor.referee3Freitas, Joelson André de-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/9706314511493399pt_BR
dc.description.degreenameDissertação (Mestrado)pt_BR
dc.description.resumoO tomateiro é uma cultura que apresenta alta demanda hídrica e tem desenvolvimento afetado negativamente quando submetido à condição de restrição hídrica. Esse fato pode ser minimizado pela introgressão de genes responsáveis por controlar a tolerância ao déficit hídrico. No entanto, as características que estão relacionadas a esse tipo de tolerância são de alta complexidade, limitando as inferências na seleção. O emprego dos índices de seleção pode ser uma ferramenta eficiente para seleção de genótipos mais tolerantes. O objetivo do trabalho foi avaliar índices de seleção baseados em estimativas de ganhos genéticos, bem como selecionar genótipos de tomateiro após serem submetidos a condições de deficiência hídrica por diferentes critérios de seleção. O experimento foi conduzido na Estação Experimental de Hortaliças da UFU em DBC com três repetições. Foram utilizados sete genótipos provenientes do cruzamento interespecífico entre S. pennellii vs UFU-040, o genitor doador Solanum pennelli, o genitor recorrente UFU-040 e a cv. Santa Clara, totalizando dez tratamentos. As plantas foram submetidas a um déficit hídrico moderado, cujo potencial mátrico foi -34 kPa. Foram avaliados temperatura foliar, índice SPAD, potencial hídrico de água na folha, número de frutos produzidos por planta, peso média de fruto, produção por planta, incidência de podridão apical, percentual de matéria seca de parte aérea, raiz e total, número de folhas, altura de planta e distância da inserção da primeira penca em relação ao substrato. Procedeu-se à análise de variância, teste de comparação de médias Scott-Knott e Dunnett, superioridade relativa dos genótipos e análise dos índices de seleção. O genitor doador, acesso selvagem S. pennellii, foi de fato tolerante ao déficit hídrico, e a cultivar Santa Clara foi sensível à restrição hídrica. Esse fato reforça o potencial genético do acesso selvagem S. pennellii para introgressão de genes promotores de tolerância ao déficit hídrico. O genótipo T5 apresentou potencial agronômico e níveis satisfatórios de tolerância ao déficit hídrico, sendo 58,2% superior em produção em relação à linhagem pré-comercial e genitora recorrente UFU-040. O índice de seleção de distância genótipo-ideótipo é o mais apropriado para seleção de genótipos de tomateiro submetidos ao déficit hídrico.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Agronomiapt_BR
dc.sizeorduration37pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIASpt_BR
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.9pt_BR
dc.crossref.doibatchidpublicado no crossref antes da rotina xml-
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EstimativasGanhoGenético.pdf1.47 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.