Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12074
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSousa, Robson Thiago Xavier de
dc.date.accessioned2016-06-22T18:30:43Z-
dc.date.available2014-05-13
dc.date.available2016-06-22T18:30:43Z-
dc.date.issued2014-01-27
dc.identifier.citationSOUSA, Robson Thiago Xavier de. Organomineral fertilizer for the yield of sugar cane. 2014. 87 f. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12074-
dc.description.abstractFertilization of sugar cane plays an utmost important role in its entire production process directly influencing the productivity of the crop. The use of organomineral fertilizers as a source of nutrients may be an alternative to replace mineral fertilizers in this crop. The aim of this study was to verify the efficacy of the use of organomineral fertilizer on sugar cane. From 2011 to 2013 ten experiments were conducted under field conditions in the states of Minas Gerais, São Paulo and Goiás. In nine locations, doses of organomineral fertilizers were given according to the treatment with the mineral fertilizer recommended in each experimental area, following approximately 60, 80 and 100 % of the amount of N, P2O5 and K2O and a control treatment without applying fertilizers. In one local three doses of P2O5 by mineral and organomineral fertilizers were applied as well as a control treatment. The experimental design for all experiments was randomized blocks with five replications. During the crop cycle, assessment of plant height, leaf analysis (N, P and K), soil samples (before and after harvest of the experiments), yield, earnings were performed ships, technological variables and amount of sugar produced per hectare. Data were initially tested for assumptions of normality of residuals and homogeneity of variances. For yield analysis, the treatment means were compared using the Dunnet test at a significance level of 10%. The quantitative results were subjected to regression analysis and other variables were compared by Tukey test at 5% significance. There were no changes in nutritional levels of NPK in leaves even in treatments with lower dosage of NPK if treatments with organomineral fertilizer dosing with 60 % and 80 % of the NPK content is used in mineral fertilizer. The organomineral fertilizer was more efficient than the mineral fertilizer in both plant canes as for ratoon cane, being able to replace mineral fertilizers and submit by 24 % more efficiency in productivity from sugar cane. The application of this organomineral fertilizer provided greater profitability per hectare compared to mineral fertilizer.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectFertilizante organomineralpor
dc.subjectSaccharum spp.por
dc.subjectEficiência agronômicapor
dc.subjectOrganomineral fertilizereng
dc.subjectAgronomic efficiencyeng
dc.subjectAdubos e fertilizantespor
dc.subjectCana-de-açúcar - Cultivopor
dc.titleFertilizante organomineral para a produção de cana-de-açúcarpor
dc.title.alternativeOrganomineral fertilizer for the yield of sugar caneeng
dc.typeTesepor
dc.contributor.advisor1Korndorfer, Gaspar Henrique
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4721188P3por
dc.contributor.referee1Pereira, Hamilton Seron
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4707590D6por
dc.contributor.referee2Henrique, Humberto Molinar
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4784204Z6por
dc.contributor.referee3Rosseto, Raffaella
dc.contributor.referee4Fortes, Caio
dc.contributor.referee4Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4775411J0por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4141623P6por
dc.description.degreenameDoutor em Agronomiapor
dc.description.resumoA adubação da cana-de-açúcar assume papel de suma importância em todo o seu processo de produção, influenciando de forma direta a produtividade da cultura. A utilização de fertilizantes organominerais como fornecedores de nutrientes pode ser uma alternativa para a substituição dos adubos minerais na cultura. O objetivo do estudo foi avaliar a eficiência agronômica da utilização de fertilizante organomineral na cana-deaçúcar, para tal foram realizados dez experimentos conduzidos entre os anos de 2011 e 2013 em condições de campo nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Goiás. Em nove locais, as doses de organomineral foram definidas em função do tratamento com o fertilizante mineral recomendado em cada área experimental, seguindo aproximadamente 60, 80 e 100% da quantidade de N, P2O5 e K2O além de um tratamento controle, sem a aplicação de fertilizantes e em um local foram aplicados três doses de P2O5 via fertilizantes mineral e organomineral além de um tratamento controle. O delineamento experimental em todos os experimentos foi em blocos ao acaso com cinco repetições. Durante o ciclo da cultura, foram realizadas avaliações de altura de plantas, análise foliar (N, P e K), amostras de solo (antes e após a colheita dos experimentos), produção de colmos, lucro estimado, variáveis tecnológicas e quantidade de açúcar produzido por hectare. Os dados obtidos foram inicialmente testados quanto às pressuposições de normalidade dos resíduos e homogeneidade entre as variâncias. Para análise de produtividade, as médias dos tratamentos foram comparadas por meio do teste de Dunnet ao nível de significância de 10%. Os resultados quantitativos foram submetidos à análise de regressão e as demais variáveis foram comparadas pelo teste de Tukey ao nível de significância de 5%. Não houve alterações dos níveis nutricionais de NPK nas folhas mesmo nos tratamentos com menor dosagem de NPK, caso dos tratamentos com organomineral com dosagem de 60% e 80% do teor de NPK utilizado no fertilizante mineral. O fertilizante organomineral mostrou-se mais eficiente que o fertilizante mineral tanto em cana planta quanto em cana soca, podendo substituir o fertilizante mineral e apresentar até 24% a mais de eficiência na produção de colmos de cana-de-açúcar. A aplicação do fertilizante organomineral proporcionou uma maior lucratividade por hectare quando comparado ao fertilizante mineral.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Agronomiapor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIApor
dc.publisher.departmentCiências Agráriaspor
dc.publisher.initialsUFUpor
Appears in Collections:TESE - Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FertilizanteOrganomineralProducao.pdf1.28 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.