Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20062
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Aberto
Title: Mortos sem Sepultura de Jean-Paul Sartre: representações de tortura e liberdade.
Author: Cardoso, Maria Abadia
First Advisor: Ramos, Rosangela Patriota
First member of the Committee: Ramos, Alcides Freire
Second member of the Committee: Lehmkuhl, Luciene
Summary: Objetivou-se com a análise de Mortos sem Sepultura refletir sobre um momento específico da história de seu autor, priorizando, assim, a forma pela qual este nos auxilia a criar validades acerca do homem que passa pela experiência do século XX. Situando Sartre nos acontecimentos dos anos de 1940 procurou-se refletir sobre este texto dramático à luz de seu surgimento. Para tanto, o primeiro capítulo recuperou a trajetória de Sartre enquanto filósofo, dramaturgo e membro da resistência francesa, obviamente, todo este percurso não foi analisado de forma separada ou estanque, ao contrário, ele é contraditório e, portanto, é histórico. Verifica-se aqui, também, a possibilidade de refletir sobre as noções sobre a realidade humana deste autor, sendo esta a marca de inserção de um homem frente ao seu tempo. O segundo capítulo teve, como principal intuito, analisar através da peça, a forma pela qual Sartre busca inspiração em sua filosofia para criar suas personagens do gênero teatral, sendo este não um “mero” exemplo de sua obra filosófica. A necessidade de estabelecer uma noção de “continuidade” do pensamento deste intelectual foi priorizada no terceiro capítulo, o qual foi dedicado à analisar os aspectos filosóficos e/ou políticos de Mortos sem Sepultura. Enfim, perpassa pelos três capítulos uma questão comum, até que ponto Sartre poderia representar o homem que passa por todas as contradições do século XX? Ou ainda até que ponto a sua postura nos auxilia a refletir sobre este mesmo homem?
Notes: Palavras-chave e resumo criados pelo pesquisador dos Projetos “(Per)cursos da graduação em História: entre a iniciação científica e a conclusão de curso.” (PROGRAD/ DIREN/UFU 2017/2018) e “Entre a iniciação científica e a conclusão de curso: a produção monográfica dos Cursos de Graduação em História da UFU” (PIBIC EM CNPq/UFU 2017-2018).
Keywords: Teatro
História
Filosofia
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: CARDOSO, Maria Abadia. Mortos sem Sepultura de Jean-Paul Sartre: representações de tortura e liberdade. 2003. 69 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Curso de História, Instituto de História, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2003.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20062
Date of defense: 2003
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MortosSepulturaJean.pdfTCC25.92 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.