Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19890
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Avaliação externa em Goiás na perspectiva de estudantes, professores/as e gestoras: a mercantilização da educação
Author: Pacheco, Elizabete de Paula Pacheco
First Advisor: Mendes, Olenir Maria
First member of the Committee: Barros, Aparecida Maria Almeida
Second member of the Committee: Valente, Lucia de Fátima
Summary: Nosso principal objeto de estudo foi a Avaliação Dirigida Amostral (ADA), avaliação aplicada de forma amostral em apenas algumas instituições escolhidas por meio de sorteio no estado de Goiás. Esta avaliação é aplicada em duas etapas, sendo a primeira com o objetivo de diagnosticar o início do processo, na qual os/as estudantes ainda não tiveram contato com os conteúdos, e a segunda é realizada dois meses depois, após o trabalho com os conteúdos em sala de aula. Essas avaliações são diferentes, porém contemplam os mesmos conteúdos, descritores e habilidades. Os caminhos percorridos nos levaram a refletir também sobre as relações de quase-mercado que são impostas na educação pública. A instituição participante da pesquisa faz parte do Programa Novo Futuro em Goiás, onde implantou-se escolas de ensino médio de tempo integral com base nas escolas charters, modelo de escola pública com a lógica de gestão de unidades escolares privadas, voltadas para a preparação de jovens para a carreira acadêmica, principalmente. Priorizamos analisar como a ADA e as demais avaliações externas são compreendidas pelos/as participantes desse processo avaliativo. Para isso, entrevistamos a gestora e as coordenadoras de uma unidade escolar estadual de Itumbiara-GO, além de dois grupos focais, sendo um com estudantes e outro com professores/as de uma turma de 3º ano do Ensino Médio desta mesma escola. Percebemos com este estudo que há a responsabilização unilateral, entendida em nosso estudo como uma forma de colocar todo o peso dos resultados das avaliações externas apenas nos partícipes da escola (estudantes, professores/as e gestores/as) e tirar a responsabilidade do Estado. Porém, não acontece apenas com relação à ADA, mas também em relação ao Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Para os/as estudantes e professores, o Enem representa uma maior importância se comparado às provas externas, sendo que isso se deve à importância que a escola e seus partícipes dão ao ingresso em universidades. A rotina avaliativa desta escola apresenta um grande número de provas, internas e externas, levando professores/as a questionarem em qual delas deve-se focar mais. Para os/as estudantes, de acordo com os relatos, percebemos que este alto número de provas tem se transformado em um “costume”, sendo que para eles/as trata-se de apenas “mais uma prova”.
Abstract: Our main object of study was the Avaliação Dirigida Amostral (ADA), an evaluation applied in a sampling manner in only some institutions chosen by means of a draw in the state of Goiás. This evaluation is applied in two stages, the first with the purpose of diagnosing the beginning of the process, in which the students have not yet had contact with the contents, and the second which is carried out two months later, after the work with the contents in the classroom. These evaluations are different, but they contemplate the same contents, descriptors and abilities. The paths taken have also led us to reflect on the quasi-market relations that are imposed on public education. The research institution is part of the Novo Futuro Program in Goiás, where full-time high schools were established based on charter schools, a model of public school with the management logic of private school units, aimed at preparing young people for their academic career, mainly. Our priority is to analyze how ADA and the other external evaluations are understood by the participants of this evaluation process. For this, we interviewed the manager and the coordinators of a state school unit in Itumbiara-GO, in addition to two focus groups, one with students and the other with teachers from a 3rd grade high school class from this same school. We realized with this study that takes place the unilateral accountability, understood in our study as a way to put the full weight of the results of external evaluations only on the participants of the school (students, teachers and managers) and take responsibility off the State. However, it doesn’t happen only with the ADA, but also regarding the Enem (National High School Examination). For students and teachers, the Enem is more important than external tests, due to the importance that the school and its participants give to the entrance on universities. The evaluative routine of this school presents a large number of internal and external tests, leading teachers to question which one they should focus more. For the students, according to the reports, we realize that this high number of tests has become a "habit", and for them it is only "one more test".
Keywords: Avaliação externa em Goiás
External evaluation in Goiás
Avaliação Dirigida Amostral (ADA) em Goiás
Aimed Directed Assessment (ADA) in Goiás
Ensino médio
High school
Escola de tempo integral
Full-time school.
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Educação
Quote: PACHECO, Elizabete de Paula. Avaliação externa em Goiás na perspectiva de estudantes, professores/as e gestoras: a mercantilização da educação. 2017. 147 p. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2017.38
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19890
Date of defense: 24-Aug-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliacaoExternaGoias.pdf2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.