Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/27541
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 United States
Title: A Relação entre aprendizagem e desenvolvimento em pesquisas brasileiras sobre desenvolvimento da atenção e TDAH
Alternate title (s): The Relation between Learning and Development in Brazilian Research on Attention Development and ADHD
Author: Machado, Jéssica Pagliarini
First Advisor: Silva, Silvia Maria Cintra da
First member of the Committee: Leal, Záira Fátima de Rezende Gonzalez
Second member of the Committee: Miranda, Arlete Bertoldo
Summary: O Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) é alvo de discussões nas áreas da saúde e da educação. Neste cenário de contradições, por um lado defende-se que o TDAH é um transtorno de origem orgânica, localizado no córtex pré-frontal, que prejudica a direção e sustentação da atenção e em alguns casos relacionado à hiperatividade. Por outro, considera-se o TDAH como um suposto transtorno, visto que não existem evidências que comprovem a origem desta “disfunção” no organismo, se opondo a um posicionamento que individualiza questões de diferentes ordens, deixando de lado aspectos sociais e educacionais. A Psicologia Histórico-cultural busca superar a dicotomia indivíduo/sociedade, biológico/cultural, propondo a incorporação do que é de ordem orgânica ao desenvolvimento histórico e cultural. Em meio ao confronto de teorias em que aparentemente se sobrepõe a visão que dá ao TDAH o status de transtorno a ser tratado por via medicamentosa, surge, para nós, uma questão: a relação entre aprendizagem e desenvolvimento é considerada para se entender a função psicológica da atenção? Assim, o objetivo geral deste trabalho foi analisar em pesquisas brasileiras sobre desenvolvimento da atenção e TDAH se e como a relação entre desenvolvimento e aprendizagem é considerada. Catalogamos 161 teses e dissertações das áreas de Educação e Psicologia, em levantamento realizado entre outubro de 2017 e fevereiro de 2018 nas seguintes bases de dados: Portal de Teses e Dissertações da CAPES e nos sites dos repositórios das Universidades. Apenas 15 pesquisas contemplavam, de fato, o objetivo do presente trabalho e foram selecionadas e analisadas em profundidade a partir de três eixos: 1) Relações entre aprendizagem e desenvolvimento; 2) Concepções sobre desenvolvimento da atenção e TDAH; 3) Ações/intervenções para o TDAH. No primeiro Eixo, sistematizamos três relações gerais: a) Aprendizagem como impulsionadora do desenvolvimento; b) Aprendizagem como forma de interação com o meio, não impulsionadora do desenvolvimento e desenvolvimento como maturação biológica e c) Aprendizagem como aprendizagem escolar. No segundo Eixo as principais concepções sobre desenvolvimento da atenção e o TDAH foram: a) Concepção de desenvolvimento de acordo com a Teoria Histórico-Cultural, crítica ao TDAH como um transtorno biológico; b) Autores que se fundamentam em Vigotski para discutir a questão do desenvolvimento, mas consideram o TDAH como um transtorno de origens neurobiológicas; c) TDAH como um transtorno de origem biológica de caráter hereditário; d) Função psicológica da atenção como uma Função Executiva, que se encontra deficitária no caso do TDAH. No terceiro Eixo, as propostas listadas se referem a: a) Ações educativas que buscam o desenvolvimento da atenção; b) Tratamento medicamentoso, estimulação e treinamento da atenção e a terapia cognitivo-comportamental; c) Intervenção por jogos. Por fim, acreditamos que alterações no contexto escolar, como apresentadas em algumas das propostas elencadas nas pesquisas, relativas aos âmbitos pedagógico, didático, curricular, material etc. devem ser estendidas a todos os estudantes, como regra majoritária e não exceção, para aqueles que supostamente padecem de um transtorno-que-só-ocorre-na-escola, parafraseando Moysés (2001).
Abstract: Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD) is the subject of discussions in the areas of health and education. In this scenario of contradictions, on the one hand it is argued that ADHD is a disorder of organic origin, located in the prefrontal cortex, which impairs the direction and sustentation of attention and in some cases related to hyperactivity. On the other hand, ADHD is considered a supposed disorder, since there is no evidence to prove the origin of this “dysfunction” in the organism, opposing a positioning that individualizes questions of different orders, leaving aside social and educational aspects. Historical-cultural Psychology seeks to overcome the dichotomy between individual/society, biological/cultural, proposing the incorporation of what is organic to historical and cultural development. Amidst the confrontation of theories in which the vision that gives ADHD the status of disorder to be treated by medication seems to overlap, an issue arises for us: the relation between learning and development is considered to understand the psychological function of attention? Thus, the general objective of this study was to analyze in brazilian studies on development of attention and ADHD if and how the relationship between development and learning is considered. We catalog 161 theses and dissertations from the areas of Education and Psychology, in a survey carried out between october 2017 and february 2018 in the following databases: Portal of Thesis and Dissertations of CAPES and in the sites of the Universities repositories. Only 15 researches, in fact, addressed the objective of the present study and were selected and analyzed in depth from three axes: 1) Relations between learning and development; 2) Concepts about development of attention and ADHD; 3) Actions / interventions for ADHD. In the first Axis, we systematized three general relations: a) Learning as a promoter of development; b) Learning as a way of interaction with the environment, not a guidance of development and development as biological maturation and c) Learning as school learning. In the second Axis the main conceptions about development of attention and ADHD were: a) Design of development according to the Historical-Cultural Theory, critical to ADHD as a biological disorder; b) Authors who are based on Vigotski to discuss the issue of development, but consider ADHD as a disorder of neurobiological origins; c) ADHD as a disorder of hereditary biological origin; d) Psychological function of attention as an Executive Function, which is deficient in the case of ADHD. In the third Axis, the listed proposals refer to: a) Educational actions that seek the development of attention; b) Medication treatment, stimulation and training of attention and cognitive-behavioral therapy; c) Intervention by games. Finally, we believe that changes in the school context, as presented in some of the research proposals, related to the pedagogical, didactic, curricular, material, etc. contexts. should be extended to all students, as a majority rule and not exception, for those who are supposedly suffering from a school-only disorder, paraphrasing Moysés (2001).
Keywords: Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade
Attention Deficit Hyperactivity Disorder
Psicologia Histórico-Cultural
Historical-cultural Psychology
Aprendizagem
Learning
Desenvolvimento
Development
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO
CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA DO ENSINO E DA APRENDIZAGEM
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Quote: MACHADO, Jéssica Pagliarini. A relação entre aprendizagem e desenvolvimento em pesquisas brasileiras sobre desenvolvimento da atenção e TDAH. 2019. 194f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.2163
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.2163
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/27541
Date of defense: 18-Jul-2019
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RelaçãoAprendizagemDesenvolvimento.pdf1.68 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons