Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/22713
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: A educação inclusiva nas escolas municipais de Uberlândia: dos anos 90 à primeira década do século XXI
Alternate title (s): Inclusive education in the municipal schools of Uberlând: from the 90s to the first decade of the 21st century
Author: Ranzatti, Raquel Magnólia Ferreira
First Advisor: Danelon, Márcio
First member of the Committee: Tartuci, Dulcéria
Second member of the Committee: Miranda, Arlete Aparecida Bertoldo
Summary: Esta dissertação se ocupa com a seguinte problemática: como se configurou a Educação Inclusiva nas escolas municipais de Uberlândia entre os anos de 1990 até a primeira década do século XXI? Visto que o objetivo foi o de compreender e refletir a Educação Especial na perspectiva inclusiva, a partir da formação dos saberes e de práticas de discursos que se constituíram para atender a arte de governar neoliberal instaurada, procurou-se desenvolver o trabalho dirigindo-se olhos observadores às entrelinhas e descontinuidades da historiografia. Para tanto, como abordagem para nossa investigação, foi utilizada a vertente de lupa observadora das ferramentas de Michel Foucault, tratando-se o objeto a partir das sinuosidades que ainda não haviam sido exploradas. Escolheu-se organizar o trabalho em seções enumeradas. Em uma primeira seção, a introdução trouxe a colaboração do memorial de pesquisador para ilustrar como o tema instigou à pesquisa e, ainda o caminho que foi proposto para efetivar a mesma. Na seção II, “Um Olhar sobre a Educação Inclusiva à Luz da filosofia de Foucault”, contou-se com os escritos de Michel Foucault e pesquisadores que se alinham ao seu pensamento para a reflexão de como a governamentalidade e a arte de governar liberal e neoliberal se interligam à norma, normalização e à proposta de Educação Inclusiva. Na seção III, “Das Práticas da Educação Inclusiva: da Exclusão à Inclusão”, de forma descritiva apresentou-se como os discursos dos saberes produzidos socialmente para a efetivação de algumas práticas de exclusão, segregação e integração colaboraram para que houvesse nos anos de 1990 uma construção de discursos da Educação Inclusiva. Por fim, na seção IV, intitulada “A Educação Inclusiva no Município de Uberlândia: da implantação à Implementação”, com alguns dos documentos orientadores das legislações a nível mundial, que nortearam as políticas públicas federal e estadual e as práticas de ações de Educação Inclusiva no município, percebeu-se o quanto a trajetória dos discursos do município colaboraram para que as subjetivações que nortearam o controle dos corpos no espaço escolar acontecessem e como os sujeitos tornaram-se subjetivados e objetivados pelos saberes e mudanças históricas das práticas discursivas e não discursivas.
Abstract: In this research we bring the following problematic: how to set up the inclusive education in municipal schools of Uberlândia: the years of 1990 to the first decade of the 21st century? As our goal was to understand and reflect the special education in inclusive perspective from the formation of knowledge and practices of discourses that constituted to meet recapitulated liberal statesmanship, we seek to develop our work from eyes of observers and the discontinuities between historiography. For this, we brought our research approach the magnifying side observer who walks with Michel Foucault treating our object from the sinuosidades that had not yet been explored. Choose organize work into sections listed. In a first section, the introduction brought the memorial researcher collaboration to illustrate how the subject in research and also instigated the way that we set out to commit the same. In section II, "a look at the inclusive education in the light of Foucault's philosophy", we have writings of Michel Foucault and researchers that align to your thought for reflection on how to Work and the art of governing Liberal and Neoliberal if joining the norm, standardisation and proposal for inclusive education. In section III "The practices of inclusive education: from exclusion to inclusion" in descriptive form present as the discourses of knowledge produced socially for putting some practices of exclusion, segregation and integration collaborated for the years 90 1 construction of discourses of inclusive education. And, finally, in section IV, entitled "inclusive education in the municipality of Uberlândia deployment implementation" with some of the guidance documents of legislation worldwide, which guided public policy the federal and State level and the practice of Inclusive education in the municipality were able to realize how much the trajectory of the municipality contributed to the subjetivações that guided the control the bodies in the school space to happen and how the subject became subjetivados and lemmatized by knowledge and historical changes of discursive and non- discursive
Keywords: Governamentalidade
Governamentality
Educação Especial e Inclusiva
Special Education/Inclusive
Discurso
Speech
Educação
Educação - Filosofia
Educação especial
Educação inclusiva
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::FUNDAMENTOS DA EDUCACAO::HISTORIA DA EDUCACAO
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Educação
Quote: RANZATTI, Raquel Magnólia Ferreira. A educação inclusiva nas escolas municipais de Uberlândia: dos anos 90 à primeira década do século XXI. 2018. 176f. Dissertação(Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2018.Disponível em:http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2018.1346
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2018.1346
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/22713
Date of defense: 22-Aug-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EducaçãoInclusivaEscolas.pdf9.53 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.