Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/22286
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorArantes, Áurea Lívia Maria-
dc.date.accessioned2018-08-14T19:45:16Z-
dc.date.available2018-08-14T19:45:16Z-
dc.date.issued2018-06-29-
dc.identifier.citationARANTES, Áurea Lívia Maria. COMPORTAMENTO E COLISÕES DE AVES EM VIDRAÇAS REFLEXIVAS NA CIDADE DE UBERLÂNDIA, MG: um comparativo entre as estações do ano. 2018. 15 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) – Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/22286-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectavifauna urbanapt_BR
dc.subjectfachadas espelhadaspt_BR
dc.subjectestruturas de vidropt_BR
dc.subjectantropizaçãopt_BR
dc.titleComportamento e colisões de aves em vidraças reflexivas na cidade de Uberlândia, MG: um comparativo entre as estações do anopt_BR
dc.title.alternativeBehavior and collision of birds in reflective glass in the city of Uberlândia, MG: a comparison between the seasons of the yearpt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.contributor.advisor-co1Marques, Renata Leal-
dc.contributor.advisor1Marçal Jr, Oswaldo-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1411446715974110pt_BR
dc.contributor.referee1Nunes, Carlos Henrique-
dc.contributor.referee2Moreira, Vanessa Stefani Sul-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/0478757570610494pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3935336207010459pt_BR
dc.description.degreenameTrabalho de Conclusão de Curso (Graduação)pt_BR
dc.description.resumoA colisão com vidraças transparentes ou reflexivas é o segundo fator humano associado a mortalidade da avifauna no mundo. Este trabalho objetivou determinar quais espécies de aves colidem ou executam comportamentos relacionados à vidraças reflexivas em Uberlândia e verificar se essas espécies e o número de colisões e comportamentos variam entre as estações seca e chuvosa. Foram amostrados seis locais na área urbana. Foram registradas 53 espécies, sendo 46 no período chuvoso e 39 no seco. Destas, 18 executaram comportamentos relacionados às vidraças. Foram contabilizados 141 registros de comportamentos e colisões com vidraças (133 comportamentos e 8 casos de mortes - carcaças encontradas). Não foi observada diferença significativa no número de espécies e de indivíduos de aves registrados, no número de espécies de aves interagindo com vidraças e no número de comportamentos de aves com as vidraças entre as duas estações. Este estudo, mostrou que diferentes espécies colidiram ou executaram algum tipo de comportamento com as vidraças reflexivas. E apesar, de não ter sido verificada diferença entre as estações, mais estudos a longo prazo são necessários, para melhor compreensão.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.courseCiências Biológicaspt_BR
dc.sizeorduration15pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIApt_BR
Appears in Collections:TCC - Ciências Biológicas (Uberlândia)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ComportamentoColisõesAves.pdf2.28 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.