Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/11990
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorBernardino, Flávia Ferreira Marques
dc.date.accessioned2016-06-22T18:30:26Z-
dc.date.available2014-04-28
dc.date.available2016-06-22T18:30:26Z-
dc.date.issued2014-02-06
dc.identifier.citationBERNARDINO, Flávia Ferreira Marques. A governança corporativa como um determinante da eficiência das organizações pertencentes ao setor elétrico brasileiro. 2014. 142 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/11990-
dc.description.abstractDue to dynamics of the globalized market companies in the Brazilian electric sector they deal with challenges and prospects for change, particularly with respect to the need to adopt methods and practices based on principles of governance in order to remain competitive and achieve better performance. However, the influence of corporate governance on organizational performance is still a problem without conclusive evidence, given the divergence in the results found by researchers. Address this problem the present study aimed to evaluate the effects of corporate governance practices on the different dimensions of organizational performance in Brazilian companies belonging to the Brazilian Electrical Sector, listed on the BM& FBovespa, in the period 2008-2012. For both analyzes of the regressions with panel data in order to investigate the relationship between the quality of governance in these companies and indicators of organizational performance were performed. Governance indices were constructed using the technique of principal component analysis, based on five of the governance mechanisms drawn from agency theory, namely: board of directors, ownership structure and control, protection of minority shareholders, transparency and remuneration administrators. As for organizational performance indicators were used in addition to traditional indices such as ROA, LAJIRDA, Tobin\'s Q, Market-to-book (MBA), an indicator of business efficiency, calculated by technical data envelopment analysis - DEA. The results show that the relationships investigated well governed companies perform better (efficiency), because the governance index showed a positive and significant association with performance when it was measured by a traditional performance indicator, the LAJIRDA and the efficiency score , pointing to the relationship expected by the literature on the subject. However, with respect to indicators of market value (Tobin\'s Q and MBA) results proved negative and statistically significant relationship between quality of governance and market value.eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectGovernança corporativapor
dc.subjectPerformancepor
dc.subjectEficiênciapor
dc.subjectDEApor
dc.subjectAnálise dos componentes principaispor
dc.subjectSetor elétricopor
dc.subjectCorporate governanceeng
dc.subjectEfficiencyeng
dc.subjectPrincipal component analysiseng
dc.subjectElectricity sectoreng
dc.subjectIndústria elétrica - Eficiência industrialpor
dc.subjectGovernança corporativa - Brasilpor
dc.subjectGovernança corporativa - Indústria elétricapor
dc.titleA governança corporativa como um determinante da eficiência das organizações pertencentes ao setor elétrico brasileiropor
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.advisor-co1Ferreira, Roberto do Nascimento
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4705499H5por
dc.contributor.advisor1Peixoto, Fernanda Maciel
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4755988A6por
dc.contributor.referee1Pereira, Vinícius Silva
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4218810Z3por
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4282398H6por
dc.description.degreenameMestre em Administraçãopor
dc.description.resumoEm função da dinâmica do mercado globalizado, as empresas do setor elétrico brasileiro se veem diante de desafios e perspectivas de mudança, principalmente com relação à necessidade de adotarem métodos e práticas baseados em princípios de governança, de modo a se manterem competitivas e alcançarem um melhor desempenho. No entanto, a influência da governança corporativa sobre o desempenho das organizações ainda é uma problemática sem evidências conclusivas, dada a divergência nos resultados encontrados pelos pesquisadores. Diante desse problema, o presente estudo teve como objetivo principal avaliar os efeitos das práticas de governança corporativa sobre as diferentes dimensões do desempenho organizacional nas empresas brasileiras pertencentes ao Setor Elétrico Brasileiro, listadas na BM&FBovespa, no período de 2008 a 2012. Para tanto, foram realizadas análises das regressões com dados em painel, de forma a investigar a relação entre a qualidade da governança nessas empresas e indicadores do desempenho organizacional. Foram construídos índices de governança, por meio da técnica análise dos componentes principais, baseados em cinco dos mecanismos de governança extraídos da teoria de agência, a saber: conselho de administração, estrutura de propriedade e controle, proteção aos acionistas minoritários, transparência e remuneração aos administradores. Quanto aos indicadores do desempenho organizacional, foram utilizados, além dos índices tradicionais como ROA, LAJIRDA, Q de Tobin, Market-to-book (MBA), um indicador da eficiência das empresas, calculado pela técnica análise envoltória de dados - DEA. Os resultados obtidos nas relações investigadas apontam que empresas bem governadas apresentam melhor desempenho (eficiência), pois o índice de governança apresentou uma associação positiva e significativa com o desempenho quando este foi mensurado por um indicador tradicional de desempenho, o LAJIRDA e pelo escore de eficiência, apontando para a relação esperada pela literatura sobre o tema. No entanto, com relação aos indicadores do valor de mercado (Q de Tobin e MBA), os resultados provaram uma relação negativa e estatisticamente significativa entre qualidade da governança e valor de mercado.por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Administraçãopor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpor
dc.publisher.departmentCiências Sociais Aplicadaspor
dc.publisher.initialsUFUpor
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GovernancaCorporativaDeterminante.pdf2.56 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.